[Report] Relatos de um emigrante na Holanda

r1c4rd0f3r

Membro Ativo
Olá a todos.

No final de 2017 decidi que estava na hora de experimentar uma carreira fora de Portugal. A Holanda acabou por ser o destino.

Estou desde Janeiro de 2018 a viver em Eindhoven. A cidade em si nao tem interesse turístico em especial. É uma cidade com origem industrial (muito pela mão da Philips) e que hoje em dia é a casa de grandes empresas como a NXP e a ASML.
No entanto a partir daqui é possível visitar uma grande quantidade de cidades tanto no país como nas vizinhas Bélgica e Alemanha, seja de comboio ou autocarro (por norma Flixbus).

Gostaria então de deixar aqui um post onde deixo o testemunho dos locais por onde passei e deixo o espaço aberto às dúvidas que o pessoal aqui do forum possa ter. Espero que a informação seja relevante para quem, por exemplo, estiver a planear uma viagem por todo o país (algo muito fácil de fazer graças à disponibilidade do sistema de transportes).

Holanda:
Amsterdão

Não há muito a acrescentar ao que já se sabe desta cidade visitade por milhões anualmente. Já fui a Amsterdão várias vezes. De inverno, verão, em dias cinzentos ou solarengos, quentes ou gelados.
Uma coisa é certa. Normalmente procuro chegar à cidade bastante cedo pois pela manhã a cidade é agradável e não muito saturada. A partir do meio dia já só me apetece almoçar e vir embora pois mal se consegue caminhar.
Gosto especialmente de cidade quanto está sol. Em dias cinzentos, para mim não tem o mesmo encanto. A minha altura favorita é nos (raros) dias de céu limpo no inverno. Isto porque normalmente estamos em época baixa, e as árvores ao longo dos canais estão despidas de folhas, e é mais fácil apreciar a fachada dos edifícios.

O vídeo foi gravado num dia (muito quente) de Maio

Roterdão

Esta é a minha cidade de eleição na Holanda. Isto porque após visitar várias pelo país começa a soar tudo ao mesmo. Esta cidade é completamente disruptiva. A arquitectura é espectacular e daqui, é possível apanhar o ferry até Kinderdijk.
Normalmente chego de manhã à estação central e caminho num circulo pela cidade, indo até ao Hotel New York passando a Erasmusbrug.

Kinderdijk

Este é o melhor sítio na Holanda para se ver os típicos moinhos. A visita em si não demora muito (1h-2h) mas vale muito a pena. Por norma quem visita Amesterdão opta por ir a Zaanse Schans já que fica mais em mão.

Maastricht

Capital da região de Limburgo. A cidade é agradável para se caminhar. Quem tiver sorte pode ser que apanhe um ensaio do André Rieu. O ponto mais relevante para mim é a livraria criada numa antiga igreja. Há quem diga que é das mais bonitas do mundo mas para mim está a léguas da Lello.

Keukenhof

Este é um sítio bastante especial. Está aberto apenas 2 meses por ano (março a maio) e quanto mais tarde visitarmos, maior a quantidade de flores que vemos. Contudo nas últimas semanas (eu visitei no final de Abril, a duas semanas de fechar) o parque está bastante lotado. O preço do bilhete quando comprado online é 17.5€. Contudo há bilhetes conjunto para parque e transporte. No meu caso, comprei o bilhete através da NS (companhia de comboios) e incluía viagem de ida e volta de comboio até ao aeroporto de Amsterdão, autocarro do aeroporto até ao parque e entrada. Total 38€

É um bom local para combinar com Amsterdão.

(continua)
 

r1c4rd0f3r

Membro Ativo
(PARTE 2)

Haia e Delft

Eu fiz este video em apenas um dia, aproveitando uma promoção dos comboios que me permitia viagens ilimitadas pelo país. Haia e Delft são estações da mesma linha pelo que foi uma visita prática. Qualquer um dos dois locais merece uma visita individual.
Haia é bonita mas tendo já visitado muitas outras cidades, aos meus olhos não se destaca em especial. Também já fui "forçado" a ir até à cidade para tratar de assuntos na nossa embaixada pelo que secalhar saturei.
Delft é uma cidade pequena mas cujo centro histórico é muito interessante. É uma cidade com uma vibe jovem, tipicamente frequentada por estudantes da excelente universidade ou de jovens trabalhadores das várias startups e spinoffs da universidade.


Bélgica:
Para além das cidades Holandeses, é também bastante fácil visitar os países vizinhos seja de comboio, ou utilizando os autocarros Flixbus (alternativa por norma mais barata)

Antuérpia
Para já ainda só visitei esta cidade e Ghent. Bruxelas e Bruges estão na lista!. Está apenas a uma hora de viagem de autocarro de Eindhoven, sendo que o preço por norma ronda os 7 euros por viagem.
Para mim, o maior ponto de interesse em Antuérpia é a estação de comboios. Para além disso destaco o Museu Aan de Stroom. Não pelo museu em si que não visitei mas pelo facto de ser possivel subir até ao rooftop gratuitamente e apreciar a cidade desde aí.


Alemanha:
Dusseldorf

Esta é das primeiras cidades de interesse quando se cruza a fronteira. Na lista estão também Colónia e Aachen. A oferta de autocarros Flixbus desde Eindhoven é vasta.
Eu passei dois dias (um fim de semana) na cidade, não porque a cidade seja grande, mas porque os horários de ida e volta dos autocarros para fazer a viagem num dia levaria a uma visita apressada.
Aproveitámos então para ver 2 pontos de interesse nos arredores: as ruínas Kaiserpfalz Kaiserswerth e o palácio Schloss Benrath.


Por fim, para quem estiver a fazer daytrips partindo de qualquer cidade base, deixo o site da NS onde é possível comprar bilhetes conjunto de viagem+actividade:
Spoordeelwinkel - De leukste en voordeligste uitjes met de trein
 

PaulaCoelho

Membro Conhecido
Gostei dos vídeos e dos locais visitados :)
Maastricht parece uma cidade bonita e boa para caminhar.

O ano passado estive na Holanda para visitar o Keukenhof e de caminho fui a Kinderdjik... gostei muito, especialmente pelo ambiente mais calmo e menos turístico que Zaanse Schans.
 

r1c4rd0f3r

Membro Ativo
Gostei dos vídeos e dos locais visitados :)
Maastricht parece uma cidade bonita e boa para caminhar.

O ano passado estive na Holanda para visitar o Keukenhof e de caminho fui a Kinderdjik... gostei muito, especialmente pelo ambiente mais calmo e menos turístico que Zaanse Schans.
Olá Paula,

Eu a Zaanse Schans ainda não fui. Aproveito para perguntar: tendo visto Zaanse Schans e Kinderdijk, acha que vale a pena ir ao primeiro já tendo visto Kinderdijk? Há algo que distinga um local do outro (tirando os turistas)?
 

PaulaCoelho

Membro Conhecido
Olá Ricardo,

Ambos os locais têm museu, alguns moinhos visitáveis e passeios de barco e mesmo tendo ido a Kinderdjik acho que vale a pena visitar Zaanse Schans.

Adorei Kinderdjik pelo ambiente e cenário mais rural, pelos moinhos serem antigos e ainda habitados e também pelos trilhos de caminhada ao longo deles.
Zaanse Schans é mais comercial, com mais lojas e cafés e turistas (voltei em Agosto com o sobrinho e a multidão era igual) e um trilho de caminhada mais curto mas também é interessante pois tem várias lojas-museu em que é possível ver como é feito o queijo, provar e comprar; ver como são feitas as socas típicas klompen; o moinho-serração também tem uma visita engraçada.

Deixo uma sugestão perto de Amesterdão que nada tem a ver com moinhos mas que gostei de visitar: deixei o carro em Volendam, fui de barco até Marken e dei a volta à ilha a pé... muito gira!
:)
 
Top