[Report] Termas de S. Pedro do Sul - momentos de relax

Tópico em 'Reports de Portugal' iniciado por Cristina Sousa a 22 Nov 2017.

  1. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    Decidi fazer este breve report pois penso que não existe aqui no Portal nenhuma informação sobre este local. Pelo menos, quando procurei informações sobre a localidade e possíveis alojamentos, não consegui encontrar.

    As Termas de S. Pedro do Sul localizam-se na região de Lafões (famosa pela vitela:rolleyes:), nas margens do Rio Vouga, a poucos quilómetros de Viseu. Para lá chegar o melhor caminho é seguir pela A25.

    As termas de S. Pedro do Sul têm mais de dois mil anos de história e são as mais frequentadas do país. As suas águas são indicadas para problemas musco-esqueléticos, reumáticos e respiratórios. Têm um cheiro intenso a enxofre e emergem à superfície a mais de 68 graus.
    No centro das termas, ao lado do balneário, existem vários furos, onde se pode constatar o cheiro e a quentura da água. Posso dizer que escalda!
    Para quem quiser uma informação mais detalhada sobre as termas, tem este site oficial onde pode encontrar os diversos programas de tratamentos e de bem estar (spa e massagens incluídos): Termas de S. Pedro do Sul - A ESCOLHA NATURAL

    Com o pretexto de visitar um familiar, no passado mês de Julho passei uma noite nas termas, tendo por isso oportunidade de conhecer um pouco da sua realidade.

    Logo à chegada constata-se que é um local pequeno e essencialmente frequentado por portugueses, principalmente por pessoas que fazem tratamentos e que, ano após ano, regressam para repetir uma ou duas semanas de tranquilidade e relaxamento.

    Apesar de estarem abertas todo o ano, é nos meses de verão que têm mais movimento e são mais frequentadas. O que leva a que as entidades locais também invistam nas actividades e animação. No posto de turismo encontra-se afixado o programa de actividades para todo o mês, destacando-se que todos os dias pela manhã se fazem caminhadas e à noite existem sempre eventos no centro, permitindo o convívio e momentos de lazer a quem lá se encontra alojado.
    Mesmo no centro encontram-se os dois balneários à disposição dos utentes para a realização das terapêuticas, assim como programas de fisioterapia e bem estar.

    O balneário Rainha D. Amélia, na praça central, mais caro mas também mais requintado e com atendimento personalizado.
    E na rua adjacente, o balneário D. Afonso Henriques, sem dúvida o mais frequentado e onde, em época alta, se torna mais difícil escolher os horários dos tratamentos, dada a grande afluência de utentes.
    Para além dos balneários, a localidade tem algumas lojas, cafés e restaurantes e conta, sobretudo, com uma envolvente natural, ideal para um passeio à beira rio.
    As margens permitem fazer caminhadas enquanto se aprecia a paisagem e escondem alguns recantos com história.
     
    Última edição: 22 Nov 2017
  2. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    Existe uma vertente histórica nas margens do rio, com ruínas centenárias.

    Há também a possibilidade de fazer um trilho de começa junto à ponte, ao lado do posto de turismo.
    As margens do Vouga unem-se através de duas pontes, uma mais antiga e outra moderna, permitindo em escassos minutos fazer-se um percurso quase circular.
    Existem ainda muitos passeios e excursões que podem ser feitas diariamente, havendo programas para os mais variados gostos e feitios, anunciados nas várias barraquinhas situadas em frente ao hotel do Inatel.
    À noite, embora comece e acabe cedo, existe a animação constante do programa de actividade que já falei anteriormente. Na noite em que lá estive, actuou um grupo musical, cantando músicas internacionalmente conhecidas.
    Findo o espectáculo, e já com todos os estabelecimentos encerrados, só restava alguma animação no exterior do hotel do Inatel.
     
  3. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    Nas ruas era o deserto e a solidão.
    Resta apenas contemplar o casario iluminado.

    No que toca a alojamento, existem vários hotéis, quase todos relativamente perto do centro.
    A minha escolha recaiu sobre o Hotel Rural Vila do Banho, junto à ponte antiga e mesmo na margem do rio Vouga, com vistas para ambos. Se algum defeito tenho a apontar, é apenas a falta de uma piscina no alpendre virado ao rio.
    É um hotel pequeno, familiar, com apenas 16 quartos, gerido por três irmãs, cada qual a mais simpática, que para além de interagirem durante o dia com os hóspedes, tornam qualquer estadia em momentos de família.
    A vista da janela do quarto...
    O edifício do hotel é antigo, todo em pedra, e foi restaurado, mantendo em tudo os traços originais. A zona comum mais apetecível é sem dúvida no piso inferior, um alpendre junto à sala de refeições, virada ao rio, onde se podem passar belos momentos a ler um livro ou a conversar, enquanto nos servem uma bebida.
    O pequeno-almoço é uma espécie de bufet, pese embora café, leite ou chás sejam servidos pelos empregados.
    Ao almoço e ao jantar existem dois pratos, um de peixe e um de carne, escolhendo os hóspedes o que for do seu agrado, caso pretendam fazer as refeições no hotel. Em alternativa, existem vários restaurantes na zona.

    Em resumo, para visitar as Termas basta um dia, e já é necessária alguma imaginação para preencher o tempo todo. Contudo, é um local que pode e deve ser visitado, e nas redondezas existem outras localidades que certamente merecem especial atenção. Bem assim existem trilhos para quem gosta de fazer caminhadas. É, em minha opinião, um excelente local para pernoitar, para quem quer visitar a zona de Viseu e pretenda fugir ao conceito de hotel de cidade.

    Uma nota final: fiz uma massagem de relaxamento no balneário Rainha D. Amélia, que achei normal face a outras que já tinha experimentado noutros locais. O que fará a diferença segundo me apercebi, são alguns tratamentos específicos, à base de vapores, mas todos receitados por médico. Esses sim, parece que proporcionam um bem estar de levar qualquer humano às nuvens! :rolleyes:
    Ficará para uma próxima oportunidade...

    Espero que estas informações vos possam ser úteis.

    Até um próximo destino! ;)
     
  4. Tiquiss

    Tiquiss Membro Conhecido

    2.688
    1.186
    223
    Olá Cristina,


    É sempre bom ver um report detalhado de um local que nos é familiar. Conheço perfeitamente essa zona e conseguiste demonstrar o que de bom existe nesse local.
    As fotos estão porreiras, como sempre.

    Gracias!
     
    Cristina Sousa gosta disto.
  5. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    @Tiquiss :eek: És tu? :eek:
    :D :D Obrigada, já não recordava que deves conhecer bem a região! Bonita por sinal.
    O turismo de natureza tem muito potencial por aqueles lados, assim haja investimento.
    As termas em si, apesar de muito frequentadas, ainda guardam a autenticidade da região e sobretudo do povo! Gostei muito! :)
     
    Tiquiss gosta disto.
  6. d3ci0

    d3ci0 Membro Conhecido

    471
    344
    103
    Muito obrigado Cristina por mais excelente report!
    E mais uma boa opção para uma férias cá dentro!;)
     
    Cristina Sousa gosta disto.
  7. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    Obrigada @d3ci0 :)
    A zona centro tem muito para oferecer.
     
  8. Oscar Reis

    Oscar Reis Membro Conhecido

    7.351
    3.989
    323
    Como diria o outro.... já muito feliz em São Pedro do Sul.
    Passei aí muitas férias.
    Espero que tenhas ido a Vouzela pecar, saudade desses pasteis....... nham nham :D
    Belas fotos, como sempre ;)
     
    Cristina Sousa e Flecha gostam disto.
  9. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    Obrigada @Oscar Reis :)
    Provei queijadas mesmo em S. Pedro do Sul. Em Vouzela fui comer a famosa vitela. Estava muito boa....:rolleyes::p
     
    Oscar Reis gosta disto.
  10. Antonia.M.S.

    Antonia.M.S. Membro Conhecido

    549
    1.317
    173
    Olá @Cristina Sousa
    Que local bonito nos trazes. Gosto muito de S.Pedro do Sul. Nunca fiz termas mas já estive aí algumas vezes e sinto um ambiente acolhedor, com um enquadramento muito bonito! Um local a revisitar certamente.

    Da tua percepção, as termas continuam muito frequentadas? Pergunto porque na Páscoa estive em Caldelas, no Gerês, e o dono do alojamento comentava connosco que a afluência às termas ali (mais direcionadas para o aparelho digestivo) tinha caído muito nos últimos anos, e o que lhes valia agora, com tantas infraesturas criadas, era ter surgido outro tipo de turismo. Explicava ele que a generalização do fácil acesso a produtos químicos veio retirar muito clientela às termas, porque é muito mais fácil e barato tomar um medicamento do que fazer termas. E deve mesmo ser assim. Oxalá essas continuem com muita afluência.

    Obrigada pela partilha, as fotos como sempre estão lindas e gostei muito de rever S. Pedro do Sul.:D
     
    Cristina Sousa gosta disto.
  11. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    Olá @Antonia.M.S. :)
    Antes de mais obrigada pelas simpáticas palavras.
    E sim, entre meados de Julho e finais de Setembro, as termas são muito frequentadas. A oferta hoteleira também não é do outro mundo, mas para além de dois ou três hotéis bastante grandes, tem muitos pequenos e segundo percebi, a lotação facilmente esgota. Fui lá na 1a quinzena de Julho e posso dizer que estariam com meia casa, sendo que a partir daí seria sempre a subir.
    Agora fizeste lembrar a minha infância, passada entre as termas de Caldelas e do Gerês. :)
    Nunca mais regressei a Caldelas mas recordo com saudade o centro das termas, os passeios para tomar uma banhoca no rio Homem ou ir à feira de Amares ver os animais. :D Tenho de lá voltar um dia destes, deve estar irreconhecível....:oops:
     
    Antonia.M.S. gosta disto.
  12. Antonia.M.S.

    Antonia.M.S. Membro Conhecido

    549
    1.317
    173
    @Cristina Sousa adorámos Caldelas! Muito verde, muito acolhedora, espaços bem arranjados, muito tranquila. Exceção feita ao foguetório que nos pareceu ter durado a noite toda!!:eek::eek:;):D As tradições no Norte são bem diferentes do Alentejo e é também essa diferença que nos “obriga” a voltar, em especial na Páscoa. Bonito observar os rituais religiosos, passar pelas aldeias e ver como tudo e todos estão engalanados à espera da visita Pascal, ver as bandas de musica a alegrar o domingo de aleluia e até o rebentar dos foguetes que parece não parar dia e noite. :):)
    Em Caldelas ficámos na Pensão Corredoura que recomendo muito, mas o Hotel das termas também tinha muito bom aspeto. Parece ter sido renovado. Tenho esse report também por fazer;). Bom recordarmos bons momentos através do PV!:)
     
    Cristina Sousa gosta disto.
  13. PaulaCoelho

    PaulaCoelho Membro Conhecido

    958
    1.325
    173
    Belo cantinho de Portugal :D
    Nunca me lembrei de ir para esses lados (a comadre da minha mãe vai todos os anos e diz maravilhas) mas vai para a lista!
     
    Cristina Sousa gosta disto.
  14. rmonteiro

    rmonteiro Membro Conhecido

    2.207
    1.281
    223
    wow.. confesso que não tinha noção que fosse assim tão bonito !!
    Ainda bem que decidiste fazer este report !;)
    Conheço o local apenas de boca, depois de ver estas fotos, fiquei com outra ideia da coisa.:)
     
    Cristina Sousa gosta disto.
  15. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    @PaulaCoelho e @rmonteiro , obrigada aos dois! :)
    Fazem muito mal em não conhecer esta zona. Desde logo porque tem locais maravilhosos e paisagens incríveis: relembro apenas que na zona de Sever do Vouga fica a cascata da Cabreia, a qual já em tempos retratei aqui num report. Depois, Vouzela e Lafões são famosas pela bela carne e ainda existem queijadas pelo meio. :eek::oops:
    E Viseu fica ali ao pé, ou então, fazendo a A25 em direcção a Aveiro, podem sempre visitar o museu ferroviário em Macinhata do Vouga ou mais abaixo o Museu do Automóvel no Caramulo ou a cascata da Bica de Água D´Alte, em Pedronhe. :rolleyes::rolleyes:
    (Pensei que tinha feito em report sobre o Caramulo, mas acho que não! Mal possa, deixo aqui umas fotos.)
     
    PaulaCoelho e rmonteiro gostam disto.
  16. PauloNev

    PauloNev Moderador Sénior Membro do Staff

    4.161
    3.531
    273
    Muito obrigado pela partilha.
    Belas fotos.
    Boas viagens ;)
     
    Cristina Sousa gosta disto.
  17. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Membro Conhecido

    5.439
    8.181
    323
    Obrigada @PauloNev :)
    É um cantinho bom para relaxar...