Novidades

[Report] Safari na Tanzânia + Zanzibar, julho 2019

r1c4rd0f3r

Membro Ativo
Olá a todos,

Desde que emigrei para a Holanda no ano passado, perdi o hábito de visitar o fórum e deixar cá os meus reports (felizmente não foi por falta de viagens).
Contudo este ano fiz aquela que penso que por anos perdurará como a viagem da minha vida, e por isso mesmo, é um bom pretexto para voltar à actividade.
Na primeira quinzena de Julho viajámos para a Tanzânia. O plano era passar uma semana no continente a fazer um safari e finalizar com uma semana na ilha de Zanzibar. O programa de safari foi contratado a uma de muitas empresas disponíveis.
Para a parte de Zanzibar escolhi os hotéis através do booking e, ainda desde casa, escolhi uma empresa a quem contratei alguns tours.

Aqui vão os detalhes:

Voos:
Eu voei desde Amesterdão para Dar Es Salam e voltei pela mesma rota fazendo sempre escala no Dubai. Apenas passei uma noite num hotel junto ao aeroporto pois tinha um voo interno para Arusha apenas no dia seguinte.
Voei desde Arusha para Zanzibar no final do Safari.
Voei desde Zanzibar para Dar Es Salam no último dia, para apanhar o meu voo de volta.
A escolha por centralizar o voo principal em Dar Es Salam deveu-se ao facto de ser a opção mais em conta pela Emirates. Se voltasse atrás voaria desde Amesterdão para o aeroporto de Kilimanjaro (outro bom ponto para início do safari). Isto porque o voo da KLM é directo. Mais caro mas reduzia o número de voos internos e muitas horas nos voos intercontinentais.

Safari:
Os Safaris em princípio partem da zona de Arusha ou do Kilimanjaro (embora se possam acordar outras opções com o operador).
É possível alugar um jipe e fazer o safari por nossa conta mas na minha opinião mais vale andar descansadinho a apreciar tudo enquanto somos conduzidos.
Antes de pedir cotações a operadores estudei o que queria fazer. Sabia que queria ir na época seca, pois a vegetação está mais baixa e é possível ver mais animais. Daí a escolha pelo mês de Julho.
Depois disso foi planear o que ver. Queríamos ir a Lake Manyara, Tarangire national park, Serengeti e cratera de Ngorongoro.
Pedi orçamento a várias empresas. Depois do choque do preço por pessoa, acabamos por escolher uma empresa pequena, mas não a mais barata. E felizmente assim o fizemos, pois vi alguns jipes dessa outra empresa avariados durante o Safari.

O plano materializou-se no seguinte:
Dia 1 - Chegada a Dar Es Salam e dormida num hotel perto do aeroporto
Dia 2 - Voo matinal para Arusha. Estadia e descanso no Moivaro Coffee Plantation Lodge
Dia 3 - Viagem até ao Lake Manyara National Park. Dia alocado para visita e dormida no Country Lodge Karatu
Dia 4 - Viagem até ao Serengeti passando pelo viewpoint para a cratera de Ngorongoro (mas sem visitar a cratera. Isso ficaria para outro dia). Da parte da tarde começamos o safari pelo Serengeti. A estadia foi na zona de Seronera no Thorn Tree Tented Lodge. Ficamos acampados, mas naquele tipo de tendas que também se encontram no deserto em Marrocos, com direito a duche, casa de banho, etc. Acordar no meio do Serengeti e depararmo-nos com uma manada de Zebras é qualquer coisa de especial
189764

Dia 5 - Continuação do Safari no Serengeti e dormida de novo no Thorn Tree Camp
Dia 6 - Continuação do Safari no Serengeti e viagem ao fim do dia para o alojamento na Cratera Ngorongoro. Ficámos no Rhino lodge onde durante a noite uma manada de búfalos aparecia para pastar nos jardins da propriedade. Algo assustador (era-nos pedido para ter MUITO cuidado) mas absolutamente único. Na noite que lá estivemos, quando decidi ir a varanda do quarto para apreciar um dos melhores céus estrelados que já vi, dei-me de caras com um exemplar a não mais do que 2 metros de mim. Tão cedo não me esqueço!
189767


189768

Dia 7 - Safari pela cratera de Ngorongoro e viagem da parte da tarde para a zona de Tarangire, onde dormimos no Sangaiwe Tented Lodge
Dia 8 - Safari no Tarangire National Park e transporte para o aeroporto Kilimanjaro para apanhar o voo para Zanzibar

Resumo da experiência:
  • Lake Manyara: Parque relativamente pequeno (comparado com o Serengeti). Famoso por alguns avistamentos de leões em cima das árvores (algo que não vi), mas principalmente pelo lago onde é possível ver os flamengos. Bom parque de introdução à experiência de safari. Se o tivesse feito depois do Serengeti, não sei se o teria adorado.
    189760
  • Serengeti: da palavra Masai Serengit que significa planície interminável. Este sítio é absolutamente espectacular. As planícies são intermináveis e os avistamentos de animais que tivemos aqui foram bastante especiais. Destaco por exemplo os avistamentos de leopardos que podem ser raros. Tivemos a sorte de ver 3, sendo que um deles era uma mãe com uma pequena cria (pode ser visto no vídeo abaixo). Destaco ainda a família de leões, o acasalamento do macho dominante com a matriarca da família ou o início de da perseguição de uma manada de gnus por uma leoa. As cores (principalmente ao final da tarde) e os cheiros são espetaculares e muitas vezes dei por mim a relembrar-me dos tempos de criança a ver o BBC vida selvagem depois dos desenhos animados.
    189761
189762

  • Cratera de Ngorongoro: Este sítio é simplesmente único. Consiste numa cratera abatida de um vulcão localizada 2000m acima do nível da agua do mar. É um autêntico berço de vida. Pode-se avistar uma infinitude de espécies. Este é o sítio em que temos maiores chances de avistar o rinoceronte. Infelizmente não consegui ver nenhum apesar de termos andado umas boas horas a procurar. Mas no final de contas não é surpreendente pois em 200km2 existem apenas 30 e aprenderam a esconder-se dos humanos devido a caça furtiva. A temperatura nesta zona é bem mais fria devido a altitude (julgo que pela manhã estavam cerca de 12 graus). O que até é agradável pois não existem muitos mosquitos ou tsé tsé.
  • 189766
  • Tarangire National Park: Este parque é conhecido pelas grandes famílias de elefantes. Aqui foi possível ver desde o mais pequenino até ao maior com presas gigantescas. Neste parque existem também muitos embondeiros. Infelizmente, é também possível ver nestas árvores as marcas que os caçadores furtivos deixam (a casca e mole) ao utilizá-las para se esconderem ou treparem. Neste parquet tive a sorte de assistir a uma família de leões ser chamada por um dos seu membros para partilhar uma recente cicada assim como uma tentativa de uma leoa se preparar para caçar um gnu (pode ser visto no vídeo)
    189763

Video completo do Safari:


Outras notas:
  • Fui picado quatro vezes por moscas Tsé Tsé e não morri (até à data)
  • Fui usando repelente para mosquitos e tomando diariamente o comprimido da malária
  • Levei vacinas para a febre amarela, para a hepatite, e o reforço do tétano e Difteria
  • Já é possível desde este ano fazer-se o visto online, sendo o custo 50USD. A aprovação demorou menos de duas semanas.
  • A cultura turística é muito virada para os americanos. Assim sendo, para nós europeus, o staff dos hotéis parece-nos sempre excessivamente subserviente e existe espera-se sempre uma gorjeta.
  • As pessoas são absolutamente simpáticas e bondosas. A pobreza é chocante. Quando voltei demorei um pouco a recuperar do choque da volta a uma sociedade consumista depois de, por exemplo, ter visto bastantes crianças a caminharem descalças para a escola.

Zanzibar:
Esta ilha é um outro mundo quando comparada à parte continental. É historicamente rica, pelo facto de ter sido ao longo dos séculos um ponto chave nas rotas comerciais de especiarias ou de escravos.
A minha ideia para esta semana na ilha era conhecer um pouco da historia da ilha e relaxar no fim.
Assim sendo dividi a nossa semana em três partes: 3 noites em Stone Town, 2 noites em Jambiani, 2 noites em Nungwi.
Encontrei na internet uma empresa (que não era mais do que uma senhora) para marcar os tours que me interessavam. Assim sendo, fomos trocando emails onde discutimos o que gostariamos de fazer e qual a maneira mais eficiente de encaixar as actividades.
O plano acabou então no seguinte:
Dia 1 - Chegada a Zanzibar desde Kilimanjaro, transfer e dormida em Stone Town
Dia 2 - Tour a pé com guia pela cidade da parte da manhã. Visita à prison island na parte da tarde, navegando num Dow, e regresso ao pôr do sol
Dia 3 - Tour à Chumbe Island. Este tour é caro. 100USD por pessoa. Mas vale a pena. Consiste num projecto de conservação da ilha onde apenas 10 pessoas por dia são admitidas na ilha. Durante o dia fizemos Snorkeling, almoçamos com uma vista espectacular e semi-privada e caminhamos pelo interior da ilha da parte da tarde, terminando com uma subida ao antigo farol. Enquanto trocava de roupa num dos bungalows, fui visitado por um green mamba. Felizmente só mais tarde é que soube que esta espécie é venenosa
Dia 4 - Transfe para Jambiani. Pelo caminho parámos na floresta de Jozani e almoçamos numa vila local e no fim andámos de canoa (mtumbwi) por entre o manguezal
Dia 5 - Dia para estar de papo para o ar na praia do hotel. Deste lado da ilha dá para apreciar um bom nascer do sol
Dia 6 - Transfer para o norte da ilha. Pelo caminho parámos para fazer um spice tour, onde tivemos oportunidade de andar pelas plantações de especiarias indo provando e tentando adivinhar o que era
Dia 7 - Snorkling na Mnemba toll. Tivemos a sorte de ver alguns golfinhos neste dia. Fim de dia no hotel a apreciar o pôr do sol e a última noite antes de partir de volta para a Holanda

Deixo aqui um video relativo à experiência na ilha:

 

Anexos

Última edição por um moderador:

DaisyP

Moderador
Staff
Olá Ricardo, depois desta partilha tão boa quase que te desculpamos dos reports em falta. :cool:
Realmente de todas as pessoas que conheço que já fizeram safaris em África, aconselham muito.
Obrigada por partilhares e boas viagens.
 

Mel C

Moderador
Staff
Que fotos excelentes, já há um tempo que não havia aqui um report de um safari e este vem mesmo a tempo, parece ter sido uma viagem única! 😍
 

PauloNev

Moderador Sénior
Staff
Muito obrigado pela partilha.
Fazer um safari esta no imaginário desde sempre, espero um dia poder concretizar esse sonho.
Este report serviu para alimentar um pouco mais esse desejo.
Boas viagens ;)
 

Jorge Gonçalves

Membro Conhecido
Que maravilha de viagem! Quero fazer um safari em breve, mas falta convencer a cara metade... conjugar Tanzânia com Zanzibar pode ser uma boa forma de lhe dar a volta :D

Muito obrigado pela partilha! Só não digo que o report está excelente porque as fotos embora boas, são muuuuito poucas!! 😁
 

rum

Moderador
Staff
Numa só palavra B-R-U-T-A-L.

Os vídeos, estão brutais. Queres dizer que material é que usaste para gravar?
 

r1c4rd0f3r

Membro Ativo
Olá a todos,

Que maravilha de viagem! Quero fazer um safari em breve, mas falta convencer a cara metade... conjugar Tanzânia com Zanzibar pode ser uma boa forma de lhe dar a volta :D

Muito obrigado pela partilha! Só não digo que o report está excelente porque as fotos embora boas, são muuuuito poucas!! 😁
Digamos que eu gosto mais de vídeos to que de fotos 😋 Talvez este fim de semana edite o post e meta mais uma ou outra.

Numa só palavra B-R-U-T-A-L.

Os vídeos, estão brutais. Queres dizer que material é que usaste para gravar?
Obrigado. A câmara que uso é uma SONY AX53. Normalmente uso-a com um estabilizador Crane Plus, mas não o usei nesta viagem pois não era muito prático.
Nas cenas com o timewarp usei a GoPro Hero 7 Black.

Em Zanzibar fiz mais uso da GoPro pois quase todos os dias tínhamos uma actividade com agua, pelo que não quis arriscar com a minha câmara principal.
 
Última edição por um moderador:

PaulaCoelho

Membro Conhecido
Espectacular! Adorei os vídeos 🤩

Fazer um safari está nos planos, não sei é quando... já percebi é que preciso de muito repelente pois também atraio os bicharocos!
Deve ter sido uma viagem TOP++ :D
 

PatriciAbrantes

Membro Conhecido
Espetacular!!!!!!!!
Uma pergunta, trocaram dinheiro onde e trocaram de euros para dólares? O que me aconselha nesse campo?
 
Última edição por um moderador:

yara

Membro Conhecido
Fantástico report! 👏
Ponderei fazer um safari este ano mas acabei por mudar de ideias e o teu report deu novo "entusiasmo".
 

r1c4rd0f3r

Membro Ativo
Espetacular!!!!!!!!
Uma pergunta, trocaram dinheiro onde e trocaram de euros para dólares? O que me aconselha nesse campo?
Olá,

Em relação ao dinheiro eu levei euros, pois alguns hoteis ou a agência com quem fiz os tours em Zanzibar aceitavam pagamento em euros, e dessa forma gastei menos em câmbio.
Para além disso, troquei alguns dolars no aeroporto de amesterdam porque o meu banco (ABN AMRO) tem uma agência no aeroporto e fica mais prático.
Levei comigo o meu cartão Revolut e fiz alguns levantamentos de shillings enquanto lá estava

Eu penso que podes trocar dolares no balcão do teu banco. Penso que se for para trocar dinheiro lá, mais vale que seja na moeda local.

Cumprimentos,

Ricardo
 

Cristina Sousa

Membro Conhecido
Muitos parabéns! 👌 👋👋
Fiquei encantada com os vídeos, excelentes!
Quer partilhar connosco em que hotéis ficou em Zanzibar e o que achou de cada um deles?
Com este report só posso pedir para que passe a vir cá mais vezes e a partilhar connosco as suas viagens!
Obrigada! :)
 

r1c4rd0f3r

Membro Ativo
Muitos parabéns! 👌 👋👋
Fiquei encantada com os vídeos, excelentes!
Quer partilhar connosco em que hotéis ficou em Zanzibar e o que achou de cada um deles?
Com este report só posso pedir para que passe a vir cá mais vezes e a partilhar connosco as suas viagens!
Obrigada! :)
Muito Obrigado!

Os hoteis foram os seguintes:

Jafferji House em Stone Stown - Bom hotel com arquitectura interior espectacular. Os quartos são temáticos. Nós calhámos no Freddy Mercury e tínhamos posters dele por todo o quarto. Apenas achei que o serviço de pequeno almoço era muito lento
Blue Oyster Hotel em Jambiani - sem dúvida o meu favorito. Ainda hoje sigo o Hotel no instagram. O ambiente é muito familiar, a zona é muito calma, o restaurante muito bom e a praia é perfeita. Voltaria à ilha apenas para passar uma semana neste hotel
Smiles Hotel em Nungwi - sentimos que ao passar do anterior para este fomos para pior (embora mais caro). A comida no restaurante era boa mas o tempo de espera chegou a ser uma hora. O pôr do sol era perfeito

Qulquer questão adicional digam
 

Celia Figueiredo

Membro Ativo
Obrigada pela partilha... em relação ao tempo, você apanhou chuva? Estava bom tempo tanto no safari como em Zanzibar?
 
Última edição por um moderador:

r1c4rd0f3r

Membro Ativo
Viva,

No Safari não apanhei chuva. Apenas algum frio na cratera devido à altitude.
Em Zanzibar acho que houve um período de chuva numa das noites mas nada que atrapalhasse qualquer das actividades que tenha feito.
Julho é época seca, pelo que é uma boa altura para ir querendo evitar a chuva.
 
Top