[Report] Malásia - Kuala Lumpur 3 noites (c/ a Mafalda de 4 anos)

Tópico em 'Reports da Malásia' iniciado por NunoCorreia a 5 Out 2018.

  1. NunoCorreia

    NunoCorreia Membro Ativo

    602
    235
    43
    A escala de 3 noites em Kuala lumpur foi no regresso de Bali - Gili Trawangan
    01.JPG
    Escolha por Kuala Lumpur prendeu-se com factores económicos (os bilhetes via Kuala Lumpur estavam mais baratos) e sempre era uma cidade para meter no “passaporte”.

    Foi realmente um choque em comparação aos dias passados em Bali e Gili.

    Poluição no ar, muito trânsito, muito barulho, as pessoas não tão amáveis etc.

    Como tínhamos o voo a chegar tarde e a partir muito cedo optamos por um apartamento perto da KL Sentral (estação principal da cidade) pois os hotéis naquela zona não eram grande coisa em termos de qualidade/preço.

    Para chegarmos ao KL Sentral, apanhamos o Klia Express (45€ ida e volta para os 3 e em 30 minutos fazíamos o percurso).

    Escolha super hiper acertada no apartamento.
    02.
    2 torres de 55 andares dentro de um condomínio privado com túnel de acesso à estação. As torres tinham 3 piscinas infinitas (uma delas para crianças com as suas devidas protecções) no ÚLTIMO andar :D, o apartamento no 16º andar era luxuoso, tinha kitchenette, 1 quarto, 1 suite com um WC aí de 10m2 e cheio de tecnologia (o assento da sanita até leds tinha e aquecimento com vários níveis de temperatura) preço?
    80€/noite já com taxas de limpeza e serviço do Airbnb, ou seja, melhor que isto só se fosse no 17º andar :p

    Pegado à estação havia um supermercado por isso foi fácil fazer compras para o pequeno-almoço e jantar.

    Levantei dinheiro apenas para umas compras em Chinatown, o resto paguei sempre com cartão.

    Como tínhamos 2 dias completos na cidade optamos por desfrutar de 1 dia no hop on hop off (12€ cada um, criança não paga) e lá fomos nós a ver a paisagem. Realmente a paisagem não tem muito de especial e acho que o autocarro perde muito tempo a fazer a zona mais comercial da cidade (Bukit Bintang), só aí demoramos 30 minutos para dar a volta de autocarro a um shopping center.

    A cidade está em constante construção. Há hotéis a serem aumentados, há torres a serem construídas, enfim, é uma cidade que me desiludiu neste aspecto do ambiente e poluição.

    No entanto não foram só coisas más. A cidade tem vida, tem muita gente na rua, as coisas principais são perto excepto o palácio nacional, mas que, fazia parte da rota do autocarro.
    Apanhamos então o hop on hop off na KL Sentral e o 1º ponto foi o Palácio
    03.JPG
    Pelos vistos apenas se pode tirar umas fotos à porta e para entrar é preciso reservar bilhete.
    Ok, siga continuar o percurso de autocarro.
    Saímos em Petronas Towers.
    Aqui sim, um dos pontos que mais queria ver ao vivo. Sabem aquela sensação que já conheces isto pelas fotos mas depois chegas e olhas para cima wowww:eek:
    Kuala Lumpur 1 (16).
    12.
    05. 06. 07. 08. 09. 10.JPG
    A Mafalda já começa a ser mais desinibida para a câmera :D:D
    Devido à humidade sentida (muita) ela já começava a fazer umas birras. Ou de estar cansada, ou de não ver praia, por isso não foram os 2 melhores dias dela. Normal né. Mais abafado, zero praia, pouca piscina, normal nela. Ela é uma peixinha.

    Neste parque junto às Petronas existem muitos paquistaneses a vender lupas para o telemóvel, de modo a que consigas fotografar as torres inteiras, depois de muitos nãos saímos dali, a caminho do autocarro abordaram-me e eu praticamente sem olhar disse que não a 2 homens. Também eram paquistaneses mas não queriam vender nada, queriam tirar uma foto comigo :D:D porque eu era português, reconheceram o cachecol da minha mochila que me acompanha sempre nas viagens.


    Continuamos a percorrer a cidade de autocarro:
    Picadilly lá do sítio em Batuk Bintang :cool:
    20.
    Dayabumi Complex
    21.JPG
    KL Tower
    22.JPG
    Edifício do Sultăo Abdul Samad
    23.JPG

    E chegamos a Chinatown :D a minha casa :D
    Adoro regatear mesmo que não queira comprar. Em Marraquexe chegava a ter pessoas atrás de mim vários metros e eu sempre a dizer o mesmo preço.
    Aqui não andaram atrás de mim mas iam gritando preços mais baixos cada vez que me afastava.
    Eu sei que muita coisa ali (ou quase tudo) é contrafeita, mas eu tenho muita experiência com produtos chineses e até havia muita coisa de qualidade. Comprei uma coluna da JBL (contrafeita claro) por 15€ quando o preço inicial era 40€, original custa 180€. Ali era super fácil regatear porque muitos vendiam os mesmos produtos e era só dizer que o outro "sóce" vendia mais barato.
    Chinatown era grande, talvez uma das maiores onde já tenha estado, mas atenção, toda a gente era simpática e alguns "brothers" metiam-se comigo por causa das minhas tatuagens de jogo.
    30. 31.

    Castanhas assadas à moda deles
    32.
    Restaurante que no dia seguinte almoçariamos
    33.
    Haur, o macaense que fazia pastéis de nata em Kuala Lumpur (aprendeu com a avó que tinha ascendência portuguesa)
    São bons mas sabem demasiado a ovo.
    34.
     
    Última edição: 5 Out 2018
    TREPADOR e d3ci0 gostam disto.
  2. NunoCorreia

    NunoCorreia Membro Ativo

    602
    235
    43
    Como já era um pouco tarde e a Mafalda não parava de falar da piscina, lá voltamos para o hotel e passamos um final de tarde muuuuuito espectacular.
    Esta era a vista das piscinas do hotel: oeste, norte, este
    Esta mesquita às 19h fazia a reza pelos altifalantes e era qualquer coisa de especial. Eu não percebia nada do que diziam, mas algo naquela reza deixava-me mais relaxado.
    65.JPG
    Vista privilegiada da cidade
    66.
    67. 68. 69.

    Dia seguinte apanhamos o comboio bem cedo (2€/pessoa ida, crianças não pagam) para as Batu Caves sítio de Deus Murugan, uma estátua de 43 metros de altura feita de 250 toneladas de barras de aço, 300 litros de tinta dourada e 1.550 metros cúbicos de cimento.
    Para se ter uma ideia, o Cristo Rei, sem o pedestal, tem 28 metros de altura.
    71.JPG
    A 17Km ao norte da capital, elas formam um conjunto de cavernas de 400 milhões de anos e que sediam importantes templos.
    Foram 272 degraus que eu subi com a Mafalda às cavalitas, foi uma espécia de treino matinal :D
    As festas daquele sítio são no final de janeiro por isso lá dentro estava tudo tapado ou em remodelação, que desilusão.
    70.
    Voltamos à cidade e fomos para o central market, mesmo ao lado de chinatown. Fizemos umas comprinhas e lá fomos para chinatown regatear mais um bocado.
    É um sítio bom para ir com malas vazias pois há roupa, calçado, acessórios e muito mais a preços baixos.
    Ténis Nike, Adidas, Asics, NB desde 10€, regalos desde 0,50€, tshirts desde 1€, enfim de tudo um pouco.
    Como estávamos cansados de tanta viagem e a Mafalda queria era dar uns mergulhos (também nós :D:p:p) lá voltamos ao apartamento para mais uns banhos de sol
    Kuala Lumpur 1 (65).
    Kuala Lumpur 1 (118). Kuala Lumpur 1 (126). Kuala Lumpur 1 (132).
    Kuala Lumpur 1 (226).JPG Kuala Lumpur 1 (229).JPG Kuala Lumpur 1 (240).JPG
    As piscinas estavam sempre vazias porque lá está, são apartamentos e não hotéis. Se fossem hotéis de certeza que isto estava cheíssimo e seria o dobro do preço pelo menos.
    E por fim umas fotos de noite:
    Kuala Lumpur 1 (249).JPG Kuala Lumpur 1 (255).JPG Kuala Lumpur 1 (266).JPG

    Não visitámos muitos mais sítios nem saímos de noite para ver a cidade pois de certeza que não foi a última vez que viemos a Kuala Lumpur, pois ainda há umas férias pelas praias da Malásia para concretizar.
    Este apartamento está no top top dos alugueres que já fiz pelo Airbnb e aconselho a toda a gente quando fizerem uma escala + rápida em Kuala Lumpur.

    No regresso (no A380) serviram-me 2 garrafas de vinho
    Kuala Lumpur 1 (139).
    e após a refeição fiz uma bela de uma soneca :D:D
    Quando fizemos a escala no Dubai e apanhamos o voo para Lisboa foi passar do 80 para o 8.
    O 777 que fez Lisboa-Dubai é mesmo fraquinho e a tripulação não teve o mesmo detalhe dos outros voos mas enfim, outros voos virão.

    A viagem foi grande mas a Mafalda portou-se bem nos voos, nada que uns doces, um tablet e muitos filmes lá dentro não resolvam.
     
    Última edição: 5 Out 2018
    TREPADOR e d3ci0 gostam disto.
  3. rum

    rum Moderador Membro do Staff

    2.893
    2.156
    223
    Mais um report com muitas fotos, que é o que se quer.

    Obrigado pela partilha.
     
    NunoCorreia gosta disto.
  4. yara

    yara Membro Conhecido

    4.015
    2.265
    273
    Obrigado pela partilha, @NunoCorreia
    Saudades da Malásia e de Kuala Lumpur. Para muitos é uma cidade sem interesse mas eu gosto da cidade (e das compras na China Town :p:D).
     
    NunoCorreia gosta disto.
  5. Ricardo_7

    Ricardo_7 Membro Conhecido

    2.504
    2.124
    223
    Olá,

    Muito obrigado pela partilha :) Está na lista!

    Boas viagens :)
     
    NunoCorreia gosta disto.
  6. agnusporfius

    agnusporfius Membro Conhecido

    599
    255
    103
    obrigado pelo input
     
    NunoCorreia gosta disto.