1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

[Report] - Croácia, Montenegro & Bósnia Herzegovina

Tópico em 'Reports dos Balcãs' iniciado por ploferreira a 18 Out 2015.

  1. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273
    Croácia, Montenegro & Bósnia Herzegovina
    Estou de volta com mais um report das nossas últimas férias, desta vez a escolha recaiu sobre três países, Croácia, Montenegro e Bósnia Herzegovina.

    Se noutras ocasiões a escolha do destin
    o foi
    fácil e natural, desta vez Croácia não foi a primeira escolha, não estava na minha "lista" e durante a decisão passaram várias opções, eu mais virado para destinos mais vocacionados para a visita e conhecimento doutras culturas, ela a puxar mais para destinos com praia e descanso. No meio desta mediação lá surgiu a Croácia, mais concretamente Dubrovnik que à primeira vista não me convenceu completamente, no entanto bastou ler algumas informações sobre cidades próximas em Montenegro e na Bósnia Herzegovina como Budva, Kotor e Mostar para me conquistar, afinal chegamos a consenso :)
    Logística e Preparação da Viagem

    Voos | Por uma questão de custos os voos foram marcados com escala em Barcelona, acabou por ser também uma excelente oportunidade para conhecer a cidade pois apesar de já ter passado pelo aeroporto de Barcelona várias vezes, nunca houve oportunidade para conhecer a cidade. Ela já conhecia a cidade, assim tive guia para dois dias de visita, um antes da ida para Dubrovnik e outro no regresso.
    Os Voos Porto-Barcelona e Barcelona-Dubrovnik foram marcados pela Ryanair. Para os voos Barcelona-Dubrovnik e Dubrovnik-Barcelona a escolha recaiu na Norwegian, viajamos pela primeira vez nesta companhia e devo dizer que fiquei impressionado, pontual, tripulação simpática, aviões novos e wireless a bordo durante todo o voo com uma velocidade muito boa, a experiência de voo não podia ter sido melhor. O único inconveniente deste voo é que sai muito cedo de Barcelona (pelas 6:50), pelo que é impossível fazer escala no mesmo dia a partir de Portugal.


    Hoteis | Para a estadia em Barcelona, optamos pelo Best western hotel alfa aeropuerto, muito próximo do aeroporto e com transfer gratuito, foi a escolha lógica para um deslocação fácil até ao aeroporto. Mesmo em frente ao Hotel existe uma paragem de autocarro que nos deixa no centro de Barcelona em cerca de meia hora.

    Em Dubrovnik escolhemos o Hotel Adriatic, devido a localização e proximidade à praia. Devo dizer que o Hotel nos desiludiu um pouco, apesar de estar muito bem localizado e de terem a informação de que teria sido renovado no ano passado, os quartos (pelo menos no que ficamos) acusam alguma idade. Na generalidade os empregados da recepção eram pouco simpáticos e roçavam alguma falta de profissionalismo (ou então nós é que estamos mal habituados).

    Este Hotel não inclui algumas comodidades como toalhas para a praia e espreguiçadeira, que temos de pagar por dia de utilização.

    Em termos de alimentação marcamos o regime de meia pensão e neste campo nada a assinalar, o pequeno almoço é o normal apesar de a variedade não ser muita e no jantar havia sempre 5-6 opções diferentes entre pratos de carne, peixe, vegetariano, entradas e sobremesas.

    Transferes | Em Barcelona os Transferes estavam incluídos na reserva do hotel, para Dubrovnik contratamos o serviço de tranfer foram pontuais e profissionais, apesar de termos marcado transfer partilhado formos os únicos a seguir na carrinha nas duas viagens.

    Visitas | Para as visitas a Montenegro e Bósnia Herzegovina ponderamos alugar carro ou marcar por um operador, depois de comparar preços acabamos por marcar pelo operador já que as visitas incluíam todos os locais que tínhamos planeado e com a vantagem de incluir algumas visitas com guia local. Assim marcamos um dia para Montenegro com visita a Budva e Kotor e outro para a Bósnia Hertziana para visitar Mostar e Počitelj. As visitas tiveram a duração de 12 horas das 7:00 às 19:00.

    Todas as marcações que referi previamente foram marcadas em agência, na Best Travel de Ermesinde, como sempre profissionais e sempre prontos a aconselhar em caso de dúvida, tem sido desde há uns anos a minha escolha sempre que não faço a marcação por conta própria.

    Dinheiro | Uma vez que visitamos 3 países diferentes a preocupação pela escola da melhor forma de pagamento era acrescida, no entanto acabou por ser bastante simples.

    Na Croácia a moeda é o Kuna, sendo que 1 Kuna corresponde a cerca de 0,13 Euros. Apesar de ter levado Euros para trocar localmente não foi suficiente para toda a estadia, pelo que houve necessidade de efectuar levantamento adicionais e pagamento com cartão. Desta forma aproveitei para comparar as diversas formas de pagamento e estranhamente cheguei a conclusão que a melhor seria efectuar levantamento com conversão.


    No levantamento com conversão, apenas disponível em algumas caixas de multibanco, o valor é convertido pelo próprio ATM pelo que o meu banco não cobrou taxas de conversão e processamento internacional, revelou-se a forma mais vantajosa a par com o pagamento em cartão. No levantamento sem conversão acrescem despesas de conversão e processamento internacional pelo que o valor é ligeiramente mais alto.

    O cambio local foi a forma que menos compensou, contrariamente ao que normalmente acontece, no entanto nos sítios para trocar dinheiro ou praticavam uma taxa mais baixa do que a normal ou então cobravam taxas de 3% para a conversão.

    Embora a diferença seja pequena, se comparamos por exemplo um gasto total de 3055 Kunas, no levantamento com conversão pagaria 414€ face a 427€ na câmbio de moeda na Croácia, uma poupança de 13€.

    Na Bósnia Herzegovina a Moeda Oficial é o Marco Bósnio Convertível no entanto aceitam correntemente Kunas e Euros pelo que optamos por fazer os pagamentos em Euros.

    Croácia - Dubrovnik, a praia

    Chegamos ao aeroporto de Dubrovnik cedo, o voo estava previsto para as 8:20 mas acabamos por chegar 20 minutos mais cedo, o aeroporto é pequeno pelo que rapidamente chegamos saída e ainda tivemos de esperar um pouco pelo Transfer que chegou à hora marcada. A viagem até ao hotel demorou cerca de 25 minutos, passamos pela Cidade velha de Dubrovnik e continuamos até à baía de Lapad onde se localizava o nosso Hotel.

    A localização é realmente o ponto forte deste hotel, a cerca de 4 km do centro de Dubrovnik tem a praia mesmo em frente, neste mapa podem ver a localização da cidade velha (a vermelho) e do Hotel (a azul)


    A praia, bem a praia precisava de areia fininha na minha opinião pois é constituída por rochas grossas, as espreguiçadeiras custavam 35 Kunas por dia (cerca de 5€) mas valiam bem o dinheiro pois imagino que as rochas não devam ser nada confortáveis :D

    A agua, bom a agua é
    indescritível, aul e do mais transparente que vi até hoje, o único problema é mesmo as rochas pelo que é aconselhado levar sapatos de agua para não magoar os pés. A temperatura apesar de estarmos em Setembro era bastante agradável
    pelo que depreendo que em Julho-Agosto seja ainda melhor.








    Croácia - Dubrovnik, Cidade velha


    A cidade Velha de Dubrovnik, conhecida como a pérola do Adriático é visita obrigatória. Deste 1979 que está classificada como Património Mundial pela UNESCO.

    As muralhas que protegem a cidade são imponentes e estão muito bem conservadas, a sua arquitectura medieval e adriático ali ao lado levam-nos a recuar no tempo e a imaginar como seria a vida há séculos atrás quando a cidade prosperava no comercio marítimo rivalizando com cidades poderosas como Veneza.

    Para chegar aqui é muito fácil basta apanhar uma das várias linhas de autocarro que terminam todas na entrada de Pile, no nosso caso o autocarro era o número 4 que demorava cerca de 20 minutos desde o nosso Hotel ate à entrada da cidade. Embora se vendam bilhetes a bordo do autocarro, é melhor comprar os bilhetes antecipadamente, na paragem de Pile ou em qualquer quiosque ficando cada viagem por 1€, a bordo do autocarro custam cerca de 1,40€.
    Os autocarros têm frequências de meia em meia hora e funcionam até às 00:30.




    Após a entrada na cidade Muralhada entramos na avenida principal, de um lado e de outro ruas mais estreitas onde existem várias lojas, bares e restaurantes. De dia ou de noite existe muito movimento e animação nas ruas.


















     
    Editado por um moderador: 13 Nov 2015
  2. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273
    A Prosperidade de Dubrovnik ou Ragusa, nome Italiano pelo que era conhecida, baseou-se principalmente no comércio marítimo tendo sido a única cidade estado a rivalizar com Veneza. No início do Século XVI contava com uma frota de 200 Navios.

    Durante a guerra de 1991 aquando da fragmentação da Jugoslávia, Dubrovnik foi cercada e fortemente bombardeada, tendo sofrido grandes estragos.

    Após o final da Guerra deu-se inicio ao projecto de reconstrução apoiado pela UNESCO. Durante a reconstrução foram usadas técnicas e materiais tradicionais pelo que o resultado foi o de uma cidade que parece parada no tempo, há muitos séculos atrás.


    A vista do Adriatico é fantastica e existem alguns cafés com uma vista deslumbrante, sendo o sitio ideal para desfrutar do final da tarde.


    As pequenas ruas estreitas convidam a que deambulemos sem rumo descobrindo a cidade





    Croácia - Dubrovnik, Muralhas da cidade

    A visita às muralhas da cidade e obrigatória, do alto das muralhas que chegam a ter a altura de 25 metros podemos apreciar a beleza do adriático e das ilhas mais próximas bem como a cidade que vista do alto, se torna ainda mais bela.

    A visita às muralhas é paga, havendo 3 locais de entrada, optamos por iniciar a visita na entrada junto ao portão de pile.
    O preço da visita é de cerca de 12€. Existem também visitas guiadas para a cidade e muralhas.

    Aqui foi filmada a série Game of Thrones e quem conhece a série associa imediatamente a vista da muralha a Kings' Landing, a capital dos 7 reinos.

    Para cumprir todo o percurso das muralhas temos de percorrer 2 km com algumas escadas desafiantes, mas é um percurso que se faz muito bem até porque as paragens são obrigatórias para podermos desfrutar da beleza da paisagem.

























    Daqui conseguimos ver o Monte Srd, outro dos pontos obrigatórios para uma vista panorâmica da cidade de Dubrovnik
     
    Última edição: 12 Nov 2015
  3. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273
    Croácia - Dubrovnik, Monte Srd

    O Monte Srd localiza-se mesmo em frente à cidade de Dubrovnik e do seu topo temos uma vista fantástica da cidade Muralhada, a melhor forma de subir é utilizar o teleférico, o trajecto demora cerca de 5 minutos mas convêm contar com uma fila de espera que por vezes pode ser demorada, no nosso caso esperamos cerca de 20 minutos.

    É muito fácil de encontrar o teleférico, basta seguir a muralha a partir do Portão de Pile e caminhar cerca de 10-15 minutos. O preço da subida é de cerca de 14€ (108 Kunas) ida/volta. No
    site oficial podem encontrar mais informações bem como fazer uma visita 360º


    O Teleférico inicia a subida rapidamente revelando uma visão cada vez mais espectacular sobre a cidade e a ilha de Lokrum







    Chegando ao topo como podem ver a vista é de tirar o fôlego, em dias de boa visibilidade é possível observar uma distancia de 60 km.






    O Teleférico original - Dubrovacka Zicara - data de 1969, no entanto foi completamente destruído na guerra de 1991. O Teleférico actual foi construindo posteriormente, no monte podemos ainda ver um memorial ao cerco de Dubrovnik, doado à cidade pela ilha de Brac.


    Existe um restaurante e café panorâmico, caríssimo, mas com uma vista única.

    Montenegro

    As primeiras fotografias que vi de Montenegro conquistaram-me de imediato, assim que vi a fotografia da Baía de Kotor decidi. Tenho de ir ali.

    Não foi assim com surpresa que este foi eleito o país preferido desta viagem, as imponentes montanhas que terminam a pique no Adriático tornam a viagem pela costa de Montenegro inesquecível, as cidades muralhadas e a beleza da baía de Kotor... bem têm mesmo de visitar Montenegro :D

    Decidimos visitar Kotor e Budva, ponderamos alugar um carro, mas depois de ver algumas opções a escolha recaiu sobre o Tour, principalmente devido aos custos e vantagem de incluir já as visitas guiadas. O preço do Tour foi de 50€ por pessoa, incluindo já visita com guia local em Kotor.

    A viagem começou bem cedo pelas 7:00, bem estava previsto ser às 7:00... na verdade começou às 7:30 mais coisa menos coisa... aparentemente os atrasos na Croácia são encarados como "normais".

    Depois de várias paragens nos diversos hotéis estava formado o grupo de cerca de 14 pessoas e iniciamos a viagem rumo à Fronteira de Montenegro. Pelo caminho a nossa simpática guia foi-nos dando algum enquadramento sobre Montenegro bem como dos locais mais significativos em que íamos passando na Croácia, a primeira paragem do dia seria Budva.


    Cerca de uma hora de viagem, chegamos à fronteira, o procedimento de entrada é relativamente célere, do lado Croata apenas verificam a lista de passageiros, na fronteira de Montenegro, um responsável de controlo sobe a bordo da camioneta para verificar todos os passaportes. Apenas os passaportes dos países não pertencentes à UE são levados para carimbar e após a devolução dos mesmos podemos seguir viagem.

    Logo após a fronteira paramos para tomar café, como já referi acima em Montenegro usam como moeda oficial o Euro, pelo que não é necessária qualquer troca de moeda.

    Seguindo viagem do lado direito surge a primeira vista da Baía de Kotor


    Como o destino era Budva, atravessamos a baia de Ferry entre Lepetane e Kamenari, é possível contornar a Baía de Kotor ou Boka Kotorska de carro mas a viagem é significativamente mais demorada.

    O Ferry funciona 24h/dia e com uma frequência de 15 minutos, a travessia é bastante rápida, cerca de 10 minutos, em que podemos descer da camioneta e aproveitar para tirar umas fotos :)





    Montenegro - Budva

    E chegamos finalmente a Budva. A cidade Velha localiza-se numa península rochosa, sendo completamente cercada por uma muralha defensiva típicas das cidades medievais do Adriático, com torres, ameias, portões da cidade fortificada, e uma cidadela.

    É um dos destinos mais populares de Montenegro devido às suas praias e cidade singular com ruas estreitas repletas de restaurantes, pubs e bares.

    Aqui tivemos 3 horas livres para almoçar e conhecer a cidade, tempo mais do que suficiente, pois a cidade não é muito grande. Optamos por almoçar primeiro num restaurante com esplanada sobre o Adriático, fantástico, mas sobre isso falarei mais à frente, e de seguida partimos à descoberta da cidade.










     
    Editado por um moderador: 13 Nov 2015
    Deni, Maria B., Nika e 2 outros gostam disto.
  4. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273




    A praia, apesar de estar um dia cinzento estava bastante concorrida.


    Depois da Visita à cidade seguimos para a próxima Paragem Kotor


    Montegro - Kotor

    Em Kotor tinhamos incluido um Tour com guia local seguido de cerca de uma hora e meia de tempo livre para explorar a cidade.

    Não sei se conseguiram perceber pelas fotografias anteriores mas o tempo tinha começado cinzento de manha e não tinha melhorado ao longo do dia, de tal modo que quando chegamos às portas de Kotor para nos encontramos o nosso guia a chuva parecia inevitável.

    Assim que se apresentou brincou com a situação, dizendo que o Tour iria durar cerca de 30 minutos e que esperava que fosse suficiente rápido para escaparmos à chuva. Estava enganado. Assim que proferiu estas palavras e esboçou um sorriso começou a chover copiosamente.

    Ainda assim, conseguimos concluir o Tour, abrigando-nos por onde era possível, mas a verdade é que chegamos ao final completamente encharcados. Apesar de tudo valeu bem a pena, e acabou por ser mais uma "estoria" para recordar das férias, de realçar o profissionalismo do Guia, que mesmo com estas condições dificeis conseguiu levar a visita até ao fim.

    "Kotor é linda de morrer de qualquer ângulo. Dentro das muralhas da cidade, os moradores saboreiam um café forte em cafés e filas para o pão quente num um labirinto de sonho de vielas e praças ; Cercada pela montanha, baía fjordlike de mesmo nome, é um dos lugares mais fotogénicos em toda a Europa." Esta é a descrição do LonelyPlanet sobre a cidade que recomendou como n.º1 para visita em 2016 e de facto a cidade é magnifica e nem com a forte chuvada perde o seu encanto.













    A cidade que chegou a fazer parte da República de Veneza de 1420 a 1797, herdou alguns traços arquitectónicos tipicos de Veneza, devido à sua localização priveligiada sobre a Baia de Kotor a fortificação foi estendida pela montanha e
    é possivel subir as suas muralhas para obter uma vista panoramica soberba sobre a cidade.

    Uma vez que já estamos encharcados no final da visita e a chuva não dava sinais de abrandar o melhor seria escolher um dos muitos cafés para saborear um café quentinho e dar a visita por terminada certo? nada disso, depois de retemperar forças num café local, lançamos-nos na subida das muralhas. Este trajeto normalmente é pago, no entanto, talvez devido à chuva intensa não estava ninguém no controlo do acesso à muralha, pelo que pudemos subir sem pagar nada.











    A vista melhora a cada degrau e é impressionante, aqui arrependi-me seriamente de não ter trazido máquina fotográfica, a minha 600D teve uns problemas e nesta viagem apenas dependi do telemóvel para todas as fotos deste report, que não fazem de todo juz à beleza ímpar deste local.

    A muralha continua ainda por largos Km, mas devido ao tempo disponível tivemos de nos contentar por este percurso de cerca de 2 km.

    Voltando às muralhas exteriores da cidade:


     
    Última edição: 12 Nov 2015
  5. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273


    e estava na hora de Regressar, a viagem de retorno foi mais longa pois desta vez contornamos toda a baía de Kotor até ao ponto em que atravessamos de Ferry de manha.





    Chegamos ao Hotel já depois das 19:00, foi sem dúvida um dia muito bem passado e apesar da chuva aproveitamos bem esta cidade. Estou certo que voltarei, de preferência com mais sol e uma máquina fotográfica :)

    Bósnia e Herzegovina

    As primeiras imagens que nos vêm a memoria ao pensar na Bósnia Herzegovina são de conflito, da guerra civil e Genocídio que colocou o pais nas primeiras páginas dos jornais de todo o mundo, no entanto, conforme pudemos comprovar pela visita que fizermos, a Bósnia tem muito para oferecer.

    Aproveitando a proximidade a Dubrovnik (cerca de 135 km) decidimos visitar a cidade de Mostar, famosa pela sua ponte velha.

    Mais uma vez optamos pelo Tour organizado e saímos bem cedo. A primeira etapa da viagem iria-nos levar até Počitelj, vila histórica localizada 30 km a sul de Mostar.


    A entrada na Bósnia Herzegovina é um pouco mais burocrática do que em Montenegro, mais uma vez apenas é necessário mostrar os passaportes para membros da Zona Euro, sendo que só os restantes passaportes são carimbados, no entanto devido à geografia do pais temos de atravessar 3 fronteiras.

    Dubrobnik está separada da restante Croácia, assim depois de iniciarmos a nossa viagem chegamos à primeira fronteira, depois de entrar na Bósnia Herzegovina percorremos cerca de 20 km e entramos novamente em solo Croata - Nova fronteira. Finalmente depois de 40 minutos de viagem temos de cruzar nova fronteira para entrar novamente na Bósnia Herzegovina.

    Todas estas paragens tornam a viagem um pouco cansativa, embora não seja necessário descer da camioneta, não nos livramos de alguns (largos) minutos de espera.

    Para contornar esta questão a Croácia está a construir uma ponte (já tem dois pilares) entre Dubrovnik e o restante território.

    Bósnia
    e Herzegovina - Počitelj

    Pocitelj é uma vila no município Čapljina, localizado na margem esquerda do rio Neretva, a vila muralhada com arquitectura medieval e Otomana foi construída pelo rei da Bósnia Stjepan Tvrtko I em 1383 sobre um anfiteatro Natural e do seu topo temos uma vista fantástica.

    Paramos cerca de 30 minutos, tempo suficiente para explorar a vila que não é muito grande, visitar a mesquita, subir ao topo, Sahat Kula, uma fortaleza em forma de silo com vista para a aldeia para tirar umas fotos, apreciar as bancas de souvenirs ou simplesmente apreciar um café Bósnio que falarei mais à frente.












    Após a visita, faltavam-nos apenas 30 km para o destino do dia - Mostar.


    Bosnia e Herzegovina - Mostar

    Mostar é a quinta maior cidade do pais e a mais mais importante da região Herzegovina.

    O seu nome vêm dos "Mostari", os guardiões da ponte velha construída pelos otomanos no séc. 16 que é um dos monumentos mais conhecidos da Bósnia Herzegovina e um dos melhores exemplos da arquitectura islâmica nos Balcãs.



    À chegada à cidade vê-se ainda muitas marcas da violenta guerra civil que vitimou mais de 200 mil pessoas em três anos, muitas fachadas ainda apresentam buracos de balas bem visíveis

    Na entrada da cidade velha encontramos-nos com uma simpática guia local que nos mostrou os pontos principais de Mostar e sua história, após um caminhada pelas ruas estreitas chegamos ao principal monumento da Cidade e um dos mais conhecidos de toda a Bósnia e Herzgovina - a ponte velha de Mostar




    A ponte velha foi concluída em 1566 e foi saudado como uma das maiores realizações arquitectónicas nos Balcãs.

    Durante o conflito da Bósnia, na década de 90 esta ponte foi destruída, tendo sido entretanto restaurada em 2004 utilizando materiais e técnicas originais na sua construção.

    Alguns membros do clube de salto local, peritos em saltos para a agua, pedem dinheiro aos turistas para saltarem da ponte, apesar de pedirem 10 ou 20€ apenas saltam quando conseguem amealhar cerca de 100€ mas ocasionalmente saltam para às agua cuja temperatura ronda os 12º :eek:





    A influencia Otomana está bastante presente na cidade, dai que muitas vezes seja chamada de "mini Istambul", no bazar da rua principal na cidade velha é possível comprar muito artesanato em bronze, cerâmicas pintadas à mão, candeeiros coloridos entre outras peças interessantes.


     
    Editado por um moderador: 13 Nov 2015
    Deni, Maria B., Nika e 3 outros gostam disto.
  6. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273



    E assim terminava a nossa visita a Bósnia e Herzegovina, uma pais que gostei de conhecer e do qual fiquei com vontade de conhecer mais, um pais com grandes contrastes e diversidades culturais, com pessoas humildes e no geral muito simpáticas.

    Gastronomia

    Em todas as viagens a gastronomia é um dos factores que privilegio em, gosto sempre de provar novos sabores, nesta viagem a passagem por 3 países diferentes possibilitou-nos conhecer diferentes culturas gastronómicas, embora com raízes comuns, vou falar um pouco do que mais gostamos e que recomendo quando forem para estes lados :)

    Cerveja

    Croácia, Montenegro e Bósnia Herzgovina têm cervejas fantásticas, se são apreciadores de cerveja peçam as locais sem problemas que vão gostar de certeza




    Vinho experimentamos na Croácia e na Bósnia, mas não ficaram aprovados, se calhar estamos mal habituados pois temos vinhos fantásticos em Portugal :)

    Queijo e Presunto da Dalmácia

    Servido em praticamente todos os restaurantes em Dubrovnik, uma excelente entrada com produtos locais


    Bife recheado com queijo e Presunto da Dalmácia

    Experimentamos este prato em Budva, num restaurante fantástico mesmo à beira do Adriático, apesar de simples estava mesmo muito bom.


    Cevapčići

    Sem dúvida o prato rei desta viagem, são pequenas salsichas grelhadas, servidas com couve ralada, pão achatado tradicional e um molho ligeiramente picante.

    Este é um prato Bósnio e devem prova-lo em Mostar, pois tal como nos avisaram apesar de existirem também na Croacia, Sérvia e Montenegro o sabor é incomparavelmente melhor na Bósnia.

    Provei este prato duas vezes, a primeira na Bósnia, e a segunda vez em Dubrovnik, as primeiras eram muito melhores com a diferença a sentir-se essencialmente nos condimentos que lhe davam um sabor único, acho que deve ser como as francesinhas, apesar de já existirem em várias cidades, nada se compara com uma francesinha no Porto :)


    Café Bósnio

    A não perder para os apreciadores de café, de influência otomana, o café Bósnio é muito semelhante ao café turco.

    Servido numa bandeja contendo o pote com o café que deve ser vertido na taça sobre os cubos de açúcar, o café é muito intenso e tem um travo bastante amargo, para apreciar com tempo de preferência enquanto apreciamos a ponte velha em Mostar.


    Em resumo

    Escassos minutos depois de descolar do aeroporto de Dubrovnik a cidade velha surge do lado direito, enquanto o avião se afasta rapidamente recordo os últimos 7 dias.

    Fantásticas cidades muralhadas, a agua transparente do Adriático, a simplicidade das pessoas, os sabores e aromas únicos, acima de tudo a sensação de que chego (muito) mais rico do que quando parti, este é para mim o objectivo de qualquer viagem, que estes três países cumpriram na perfeição.

    Até à próxima, boas viagens e qualquer dúvida, já sabem... disponham :)

     
    Última edição: 12 Nov 2015
    Deni, Maria B., Bee e 7 outros gostam disto.
  7. Paulo Leite

    Paulo Leite Coordenador Membro do Staff

    4.766
    4.044
    273
    Bom dia @ploferreira,

    Vou ser o mais honesto possível... Tenho 1 mau feitio matinal muito apurado (que o digam os azuis aqui do tasco) e ao ler o teu report esse mau feitio ainda se apurou +.

    É 1 violência matinal ver 1 coisa tão bela como a que acabei de ver... durante estes minutos imaginei me de máquina na mão a fazer o que tu fizeste...

    Fiquei apaixonado... e vais ser responsável se eu for obrigado a gastar euros..... para ir conhecer....

    Muito Obrigado pela partilha e nunca te inibas de publicar para nos regalar os nossos olhinhos......
     
    ploferreira e PauloNev gostam disto.
  8. PauloNev

    PauloNev Moderador Sénior Membro do Staff

    3.549
    3.015
    273
    Muito obrigado pela partilha.
    Fantástico report, de uns locais muito bonitos e deveras interessantes.
    Que bela maneira de iniciar a manha, belas fotos e bons textos.
    Dá vontade de ir apanhar o avião e repetir um pouco da sua experiência.
    Boas viagens... E que sejam sempre acompanhadas de belos report's como este. ;)
     
    ploferreira gosta disto.
  9. Cristina Sousa

    Cristina Sousa Moderador Membro do Staff

    5.010
    7.160
    323
    @ploferreira :)
    Adorei! Fantástico!
    Vou confessar que andava a "cuscar" o report desde que o começaste a fazer ... :rolleyes: (sorry)
    Dubrovnic é uma cidade linda (as vistas lá do cimo são de arrepiar), o Montenegro tem locais fantásticos (pena a chuva :( ), Mostar ainda que fotografada com telemóvel é de chorar por mais. :cool: Para além de belos locais, todos têm o peso da história, alguma bem recente, que todos nós podemos acompanhar. São estes locais que nos enriquecem!
    Obrigada pela partilha! Simplesmente espectacular. ;)
     
    ploferreira gosta disto.
  10. Titos

    Titos Membro Conhecido

    1.116
    755
    153
    Obrigado Paulo.
    Paisagens fantásticas, história rica, boa praia (apesar do "cascalho") e gastronomia a condizer, dá forçosamente um grande destino de férias.
    Vou colocar um marcador no mapa.
     
    ploferreira gosta disto.
  11. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273
    Olá Paulo, olha que podia ser pior... vá lá que hoje é sexta-feira, ler este report segunda féira de manhã seria de certeza bem pior :D

    Para quem gosta de fotografia, é um destino fantástico, casa paisagem dá um autentico postal.

    De facto, durante a escrita do Report, também tive essa vontade de regressar... ia já manhã :)

    Bem me parecia que estava a ser espiado ;)

    Acabaste por ter um report em "fascículos" estava a ver que nunca mais o terminava :D

    Coloca, que vale bem a pena, a praia apear do cascalho tinha uma água... espectacular mesmo :)


    Obrigado a todos pelas simpáticas palavras, assim dá gosto fazer reports :)
     
  12. Jorge Gonçalves

    Jorge Gonçalves Membro Conhecido

    916
    1.114
    173
    Mais uma maraivilha de report! Parabéns! :)
    Está visto, que tenho de acelerar a minha viagem para esta região. No meu caso, quero explorar mais algumas coisas da Croácia e incluir a Eslovénia... vamos a ver se não demoro. ;)
     
    ploferreira gosta disto.
  13. Nika

    Nika Colaborador

    3.616
    2.571
    273
    Olá ploferreira!
    Parabéns pelo report e obrigada por continuares a partilhar connosco as tuas viagens. :)
    Adorei rever Dubrovnik, Pocitelj e Mostar pelas tuas fotos. Tiveste sorte com o tempo em Mostar, eu apanhei chuva em pleno Verão. :(
    Foi ter não teres ido a Sarajevo, acho que ias apreciar. ;)
    O Montenegro também está na minha lista. :D Kotor parece ser bem interessante.
     
    ploferreira gosta disto.
  14. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273
    Obrigado!

    Se tiveres oportunidade inclui Sarajevo, Zagreb, Eslovénia e claro Montenegro.

    Eu fiquei 5 dias em Dubrovnik para aproveitar a praia, mas se não quiseres fazer praia, 2 dias são mais do que suficientes.

    Qualquer dúvida dispõem :)

    Obrigado Nika, é um privilegio poder partilhar as minhas viagens com esta comunidade :)

    Em Mostar apanhamos uma valente tosta, para compensar da chuvada do dia anterior em Kotor...

    Gostava de ter ido a Sarajevo, Zagreb, Split e Liubliana também, mas a Mrs Ferreira. queria uns dias de praia em Dubrovnik... foi o acordo que se conseguiu :p
     
    Maria Artur, Florinha e Nika gostam disto.
  15. Florinha

    Florinha Membro Ativo

    199
    185
    43
    Olá! Que report fantástico ploferreira, com fotos que me levaram de volta ao verão de 2012, quando também visitei Dubrovnik, Mostar e Pocitelj...
    Adorei essa viagem, foi em Dubrovnik que assisti ao Pôr-do-Sol mais bonito que vi até hoje.

    Obrigada pelo "throwback". :)
     
    ploferreira gosta disto.
  16. Maria Artur

    Maria Artur Membro Conhecido

    1.238
    735
    153
    Olá @ploferreira
    Muito obrigada pelo maravilhoso relato da tua viagem. Está simplesmente divinal.
    Já há muito tempo que quero conhecer Dubrovinik e Mostar mas com o teu report ainda fiquei com mais vontade. Tenho que me apressar ( porque ter uma lista tão grande :()
    Continuação de boas viagens.
     
    ploferreira gosta disto.
  17. ploferreira

    ploferreira Moderador Membro do Staff

    3.160
    3.112
    273
    Obrigado, de facto, aquele por do Sol observado das muralhas é qualquer coisa :)

    Obrigado, o problema é mesmo esse a lista é grande... (e não para de crescer :D)
     
    Florinha e Maria Artur gostam disto.
  18. Coral

    Coral Membro

    54
    7
    8
    Olá, tenho visto a maior parte do pessoal a fazer esta viagem no verão.... desculpem a minha ignorância mas seria pouco proveitoso fazer este tipo de viagem para meados finais de Janeiro??? Muito frio?Neve?
     
    ploferreira e Florinha gostam disto.
  19. susy4

    susy4 Moderador Membro do Staff

    529
    460
    103
    uaaauuuuuuu... é o que posso dizer depois de ter lido este report. Acho que me fizeste acrescentar mais um destino à minha lista de viagens... e espero levar a maquina fotográfica :p para trazer esses postais maravilhosos de que falas.
    Hajam férias e €€€ que destinos fantásticos não faltam, né ?!
     
    ploferreira gosta disto.
  20. Florinha

    Florinha Membro Ativo

    199
    185
    43
    Olá Coral,

    Fiz esta viagem em Agosto, e apanhei calor infernal, principalmente em Mostar... Adorei e não me arrependo de nada, mas talvez seja um destino para ir em Maio, Junho, ou finais de Setembro.
    Mas isto é a minha visão :)