[Report] - Chipre - A ilha de Afrodite

Deni

Membro Conhecido

O Chipre era um país que já há algum tempo nos suscitava alguma curiosidade. As cores das suas águas, o facto de ser uma ilha dividida entre gregos e turcos e as temperaturas que se faziam sentir em Outubro (sempre a rondar os 30 graus) tornaram este país na escolha ideal...
O Chipre é uma ilha do Mediterrâneo que na realidade está dividida em 2 partes: a área de controle efectivo da República a sul e a norte a parte da autodeclarada República turca do norte do Chipre. Esta última é reconhecida apenas pela Turquia e a comunidade internacional vê como ilegal esta ocupação. O Chipre faz parte da UE e tem o € como moeda. No entanto, a designada parte ocupada do norte tem a lira turca como moeda apesar de aceitarem o € também.
Esta viagem foi realizada em Outubro de 2018 e voamos pela Aegean airlines para Larnaca, com escala em Atenas.

1º dia
Depois de uma noite atribulada onde passamos por um overbooking no hotel que tinhamos marcado perto do aeroporto pois chegariamos bastante tarde, tomamos o pequeno-almoço e fomos levantar o carro que tinhamos previamente alugado para a semana toda. Foi fundamental alugar o carro durante todo o período, pois decidimos ficar alojados em zonas distintas da ilha e permitiu-nos conhecer vários locais numa mesma zona.
Seguimos diretos para uma das zonas mais conhecida do Chipre: Aya Napa.
A praia de Nissi beach é um dos cartões postais do Chipre. Esta praia é realmente muito bonita mas, e talvez por ser domingo, estava super cheia de gente. Ficamos por lá até meio da tarde, hora em que poderíamos depois fazer check-in no nosso apartamento em Protaras, onde ainda tivemos tempo de dar uns mergulhos na piscina quando chegamos.
Este apartamento que escolhemos na zona de Protaras foi o nosso pequeno luxo da viagem em termos de alojamento. Este apartamento tem uma localização priveligiada com vista para o mar e uma pequena enseada quase privada que permitia fazer praia.





 
Última edição:

Deni

Membro Conhecido
2º dia

Acordei bem cedo para apreciar o nascer do sol da varanda do nosso quarto...
Escolhi a zona de Protaras na costa sul do Chipre, pois para mim, seria a melhor zona no que diz respeito a praias.
E como praia era a nossa grande prioridade, seguimos de imediato para uma das que mais queria conhecer: Konnos beach.
A curta viagem até Konnos beach é lindíssima. Como chegamos cedo, a praia tinha ainda muito pouca gente e esta acabou por ser uma das minhas favoritas.
Cavo Greco National Park é outra das principais atrações na ilha. Situado entre a zona de Protaras e Aya Napa, este parque natural vale a pena pelas vistas para o Mar Mediterrâneo, pelas suas sea caves, pela capela Ayioi Anargyroi...
O centro de Protaras tem imensos restaurantes, lojas, supermercados e as refeições foram sempre feitas aí.







 

Deni

Membro Conhecido
3º dia

Este dia amanheceu cinzento. Por sorte, o que estaria programado era fugir das praias e rumar até ao Chipre do norte e depois conhecer um pouco da capital Nicósia.
O caminho até à parte "ocupada" como lhe chamam aqui no sul, ainda é longo, por isso há que sair cedo. Cerca de 1h depois estávamos a passar o controlo da parte grega para a parte turca. O seguro que temos no nosso carro alugado não tem valor na parte norte, então há que pagar na fronteira um novo seguro que será válido até 3 dias e tem um custo de 20€. Alem disso, pedem o documento de identificação de todos os ocupantes e de resto é seguir viagem. A primeira paragem seria no Saint Hilarion Castel.
O caminho até ao castelo é sinuoso mas vale bem a pena, pois este fica na Kirenia mountain e as vistas são espectaculares lá do alto... pagamos 2,5€ cada um mas se pagássemos em liras turcas teríamos saído beneficiados.
Ficamos por lá cerca de 2h, pois o espaço é realmente grande.
A próxima paragem não fica muito longe do Castelo e ainda a queremos visitar antes do almoço: Abadia de Bellapais.
Este mosteiro é muito mais pequeno em tamanho, mas de beleza tem de sobra. A entrada custou apenas 1,5€.
Rumamos depois à única capital dividida do Mundo: Nicósia.
A primeira coisa que fizemos ao chegar a Nicósia foi procurar um local para almoçar. Dentro da parte antiga achamos um restaurante onde finalmente provamos o prato típico do Chipre, mezze, que não é mais do que uma combinação de vários pratos. O restaurante não ficava longe da Rua Ledra. A famosa rua dividida, que durante anos esteve fechada e que em 2008 voltou a reabrir, é um óptimo ponto de partida para visitar a cidade. De um dos lados a parte grega cheia de lojas modernas de cadeias bem conhecidas. Do outro lado, a parte turca bem mais tradicional, mas também com imensa animação. Para passar de um lado para o outro basta mostrar o documento de identificação. Do lado turco, sentimo-nos mesmo como se tivéssemos neste país e até a um espetáculo de Dervish (uma espécie de ritual turco) pudemos assistir.
Ficamos toda a tarde a vaguear pelas ruas da parte antiga da cidade, regressando só mesmo à noitinha a Protaras.

Dica: façam download de uma aplicação de mapas offline, pois a parte turca do Chipre já não faz parte da UE, logo não irão conseguir usar o vosso plafond de dados...





 

Deni

Membro Conhecido
4º dia

O nosso último dia completo em Protaras, seria dedicado essencialmente a conhecer algumas das mais bonitas praias da ilha. Confirmou-se... para mim Protaras é a zona que melhores praias tem.
Começamos pela Louma beach, não tanto pela praia em si, mas principalmente pela particular igreja que aqui se encontra.
Sunrise beach foi o nosso "spot" seguinte onde ficamos toda a manhã. Esta é a maior praia aqui na zona de Protaras, com imensos hoteis e bares de praia á volta e por isso estava cheia.
A seguir ao almoço passamos na famosa Figtree beach mas esta estava tambem tão cheia que seguimos viagem e voltamos a repetir uma das nossas favoritas: konnos beach.
Ao final do dia voltamos a passar pelo Kavo Greco para assistir ao pôr do sol, mas desta vez, no alto de um miradouro que nos tinha passado no dia anterior.





 

Deni

Membro Conhecido
5º dia

Dia de fazer check out no nosso apartamento e seguir em direcção a este.
Foi um dia duro, apesar das várias paragens que fomos fazendo ao longo do trajecto, foram muitas horas passadas dentro do carro.
Começamos por ir em direcção a zona de Limassol e visitar a zona arqueológica do Curium (entrada 4,5€). Este sítio arqueológico destaca-se pelo seu anfiteatro situado no alto de uma colina com vistas para o mar.
Seguimos uns km à frente em direcção a uma barragem Kouris Dam, onde andamos "perdidos" um bom tempo até encontrarmos este sítio fotogénico.
Limassol ficou para trás e já não vamos almoçar à cidade como programado e comemos uns snacks que traziamos connosco até chegarmos a Petra Tou Romiou.
Sendo esta conhecida como a ilha berço de Afrodite, não podíamos deixar de visitar o local símbolo do nascimento da deusa.
De volta à estrada, já só pararíamos no nosso hotel em Coral bay - Paphos, onde aproveitamos um pouco a piscina até sairmos novamente para ir assistir a um particular pôr do sol...
Chipre mais uma vez, não desiludis-te...







 

Deni

Membro Conhecido
6º dia

Uma das principais razões para querer ir até a zona de Paphos era poder conhecer a Península de Akamas e a sua Blue Lagoon.
Este dia estava então programado para fazer uma tour a este local. No dia anterior já não conseguimos marcação no nosso hotel, então fomos ao centro de Coral bay procurar por alternativas e conseguimos uma tour de dia inteiro com condução de buggie, uma experiência nova para todos nós que repetiria com toda a certeza.
Começamos por parar no local onde tínhamos presenciado o pôr do sol no dia anterior. Fomos depois em direcção a Lara beach, uma praia onde existe um projecto de conservação de tartarugas, aos banhos de Afrodite, seguindo-se todo um trajecto pela península de akamas onde paramos em viewpoints para apreciar a vista até terminar no porto onde iríamos apanhar um barco para ir até à blue lagoon.
Foi um dia em cheio que terminou com um bom jantar no centro de Coral bay num restaurante que gostamos tanto que viríamos a repetir no dia seguinte ao almoço...






 

Deni

Membro Conhecido
7º dia

Este era o nosso último dia completo na chamada ilha de Afrodite.
Não queríamos deixar a zona de Paphos sem fazer um pouco de praia, então dedicamos toda a manhã e parte da tarde a tomar banhos de sol e de mar na Coral beach.
Como o voo de volta a Portugal no dia seguinte era cedo, decidimos que o ideal seria ficar a última noite novamente em Larnaca, então a meio da tarde voltamos à estrada e seguimos diretos para ver o último ponto que tinha anotado como um "must see": Larnaka Salt Lake. A partir de Novembro, com o início das chuvas, o lago começa a encher-se de água o que convida os flamingos a andar aqui nesta zona. Não havendo ainda água, este local não deixa de ser especial com a sua mesquita de fundo.
Terminamos o nosso dia a tirar umas lindas fotos ao pôr do sol e preparamo-nos para o jantar de despedida antes do regresso.




 

Sandro Trigo

Membro Conhecido
Deni, uma bela partilha desta vossa ida ao Chipre (mesmo que já em Outubro de 2018), que nos volta a relembrar que estes momentos são realmente gratificantes, ou seja, das viagens por este belo planeta.

Que esta situação difícil e actual em Portugal (e no resto do mundo) seja ultrapassada o mais depressa possível para que continuemos a desfrutar de momentos como o vosso.
 

mfurtado

Membro
Vim hoje ao site para "viajar" em casa numa altura que vou ter de adiar a próxima viagem e dou com este report! Adorei rever o Chipre e conhecer mais um pouco do que não tinha visto quando lá estive.
Obrigada pela partilha!
 

Deni

Membro Conhecido
Obrigada...
A ideia foi mesmo ocupar o tempo com algo que gosto, já que teremos de nos resguardar durante alguns meses sem poder viajar.
 

DaisyP

Moderador
Staff
Olá Deni, hoje mais que nunca sabe bem viajar pelos olhos do outro.
Obrigada por esta partilha que tão bem soube :)
 

Ricardo_7

Membro Conhecido
Olá :)

Muito obrigado por mais uma partilha. Um local com muito para absorver. Sem dúvida que era uma viagem assim que estávamos todos agora a precisar ;)

Boas viagens!
 

PauloNev

Moderador Sénior
Staff
Muito obrigado pela partilha.
Belas fotos, e fantástica a cor do mar em algumas delas.
Boas viagens ;)
 
Top