1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies. Saber Mais.

[Report] Astérix e Obélix em Terras de Sua Majestade

Tópico em 'Reports do Reino Unido' iniciado por BunnyCat a 4 Ago 2009.

  1. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    Astérix e Obélix em Terras de Sua Majestade

    Corria o Ano de 2008 d.C.

    Obélix andava pela Aldeia Gaulesa com um humor de cão. Mem mesmo as poções mágicas de Panomarix conseguiram animar o pobre coitado. Ele andava enjoado de javalis, mas não não havia mais nada para comer...

    Foi então que tive uma idea... e se o levasse a Terras de Sua Majestade? Uma aldeia que fica ali para os lados das terras de Gales, e que é governado por uma velhota de nariz empinado, mas que ao que parece tem um Fish em Chip's muito bom...

    Bem dito bem feito! O Obélix ficou louco da vida por ir comer um Fish... e foi dificil controlar a sua ansiedade até ao grande dia da partida. Mas ele lá chegou... e lá fomos nós à Aventura! :cool:

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Asterix_1.
     
  2. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    1º Dia - 08 de Agosto de 2008

    Deixámos a Aldeia Gaulesa bem cedinho.

    Como sempre optámos por iniciar a nossa aventura logo com o primeiro voo da manhã, que neste caso, era o da British Airways.

    A BA não é má, mas também não é boa. De todas as companhias aéreas com que voei foi sem dúvida a mais fraquinha... ou então apanhei-os em dia Não! Os lugares são apertadinhos e não muito confortáveis, a comida, ou melhor, a Sandes de Bacon com Ketchup, era horrível... diria mesmo intragável... :cool: Valeu a tripulação que era bastante simpática e o facto do voo ter corrido optimamente bem!

    Ao fim de 2h30 de voo lá aterrámos em Heathrow que é GI-GAN-TES-CO! Desde a porta de desembarque, passando pela check point dos passaportes, até á zona de recolha das malas foram 30 minutos... sempre a andar! Ufa! Ufa! (www.heathrowairpot.com)

    UK vista dos céus
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0003.

    Aterragem em Heathrow
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0011.

    Mas como todos os Aeroportos está muito bem sinalizado e foi sem qualquer dificuldade que encontrámos a estação de metro. Ou melhor a TUBE Station.

    A viagem de metro até ao hotel, durou cerca de 40 minutos, sempre a ouvir a mesma cantilena "Please Mind the Gap Between the Train and the Platform", "Plase Mind the Gap!", "Mind the Gap"... e não foi só a ouvir... esta menssagem tá em todo o lado, nas paredes, no chão... xi! Quando saímos em Aldgate East, a nossa estação de destino, parecia que tinhamos sofrido uma lavagem ao cérebro... só conseguiamos dizer "Mind the Gap! ", "Mind the Gap"... é incrível como a frase fica gravada no nosso cérebro feito um disco riscado :p

    Aldgate East Station
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0192.

    Mesmo ao lado da saída do metro fica o Ibis London City, que nos acolheu durante a nossa estadia. Um Ibis é um Ibis em qualquer lado do mundo e este não é excepção. Quartos pequenos mas confortáveis, limpinhos e arrumados. Funcionários simpáticos e Pequenos Almoços em Buffet bem recheados. Nem faltou o famoso British Breakfast com Bacon&Eggs. Para além de ter uma excelente localização!

    Ibis London City
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0201.

    Recepção
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_reception.

    Quarto (desculplem lá a desarrumação!:p)
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0197.

    Só tinhamos 5 dias para explorar a cidade, por isso largámos as malas no quarto e partimos para a Aventura. Mas, como já eram quase 14h e o pequeno almoço tinha sido muito fraquinho, a urgência maior acabou por ser alimentar os leões que estavam esfomeados.

    Descemos a Rua WhiteChapel e descobrimos aquele que se tornou num dos meus melhores amigos em Londres, para além do Starbucks. Os E.A.T. (www.eat.co.uk) Uma cadeia de restaurantes tipo Fast Food, mas de comidinha saudável. Ainda hoje sonho com as baguetes de frango com hortelã, com as saladinhas de fruta... com os granizados... com os sumos naturais das mais variadas frutinhas... Mmmmm... que delicia! E o melhor de tudo... não eram caros! :p;)

    Um dos muitos E.A.T que visitámos.
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0194.

    De barriguinha cheia seguimos viagem para as atracções mais próximas do hotel. London Tower e Tower Bridge.

    London Tower e Tower Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0019.

    A London Tower (www.hrp.org.uk/TowerOfLondon/), hoje mundialmente conhecida por ser a "caixa forte" das Jóias da Coroa, foi durante a maior parte dos seus 900 anos de história, uma verdadeira Torre do Terror. Todos os traidores e todos aqueles que ameaçavam o trono, eram aqui aprisionados, torturados e executados.
    Infelizmente, como estávamos com os minutos contados para outra atracção londrina, não conseguimos ver o interior da Tower e explorar as suas atracções, como a White Tower, a Jewel House, o cemitério dos corvos... mas conseguimos ver a Traitor's Gaite (Porta dos Traidores) por onde passavam os prisioneiros vindos de barco a caminho da morte certa!

    London Tower
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0073.

    Traitor's Gaite
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0035.

    Mesmo ao lado da London Tower fica um dos grandes Icons da Cidade de Londres. A Tower Bridge. (www.towerbridge.org.uk). Foi uma verdadeira surpresa para nós... pensávamos que era só mais uma ponte sem nada de especial, mas estavamos enganados. A Ponte é Lindissima... e a vista para o Tamisa e para a cidade é fantástica...

    Tower Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0040.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0046.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0050.

    Vista da Tower Bridge para City
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0053.

    Atravessámos a Ponte en direcção a Southwark e Bankside, e sempre pela margem do Tamisa, e com passo apressado porque estavamos mesmo em cima da hora, passámos pela City Hall (Câmara Municipal de Londres), pelo HMS Belfast , atravessámos a Hay's Galleria eeeeeeeeee... hei-nos diante do nosso destino! As Masmorras de Londres, ou melhor, The London Dungeons (www.thedungeons.com).

    City Hall
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0068.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0076.

    Hay's Galleria
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0082.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0086.

    The London Dungeon é uma espécie de versão alargada da Câmara dos Horrores da Madame Tussaud's. Um Museu Interactivo baseado nas histórias mais aterradoras e veridicas de Londres. Somos guiados por actores que representam e nos tornam actores principais em histórias como a do Jack o Estripador (Jack the Ripper), a da Peste Negra, a do Grande Incêndio, a de Sweeney Tood... entre outras.

    The London Dungeon
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0093.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0090.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0094.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0096.

    Foi uma experiência Hiper Mega Divertida. Ao longo do itinerário do museu, perdemo-nos no Labirinto das Almas Perdidas, fomos presos e vítimas de actos de tortura medieval, julgados e condenados à morte por bruxaria... atirados para o Rio dos Condenados numa viagem até aos infernos... e no final... sofremos os horrores da Forca numa queda de 5 metros...

    Foto da Praxe à entrada (Se tivessem prestes a perder a cabeça, também ficavam assim como eu... very pálidos! Mas o Obélix está bastante divertido... :p
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_untitled1.

    Mapa do Itinerário
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Dungeon.

    Um demóniozinho simpático que nos dás as Más Vindas
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0102.

    Uma das Vitimas de Jack the Ripper
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0099.

    Esqueçam a Casa do Terror... The London Dungeons é muito, mas muito melhor. Infelizmente, ficámos tão envolvidos com tudo que até nos esquecemos de tirar fotos. Por isso deixo-vos aqui alguns links do You Tube, que transmitem um pouquinho a sensação que é visitar estas masmorras:





    No meu ver esta atracção só tem um senão... :p
    Os actores que animam e guiam a nossa visita só falam única e exclusivamente inglês, e com um sotaque Very British bastante acentuado. Como toda a visita é interactiva numa espécia de peça de teatro, torna-se bastante enfadonho e muito pouco interessante para quem não perceba nada de English! :p
     
  3. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    Terminada a visita mais arrepiante de todas (a visita dura cerca de 2h30), seguimos em direcção à Millenium Bridge. Pelo caminho passámos pela Southwak Cathedral e mesmo ao lado desta encontrámos uma verdadeira surpresa. O beco onde está atracada a réplica do Golden Hinde de Sir Francis. (www.goldenhinde.com). Mesmo ao lado fica um Pub muito, muito giro onde tomámos um Milk Shake divinal... mas na hora de pagar pensámos que estávamos de volta ás masmorras tal foi o susto... :D Não queiram saber o preço, porque eu, também não me quero lembrar :s

    Southwak Cathedral
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0104.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0106.

    Réplica do Golden Hind de Sir Francis
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0107.

    Pub - Old Thameside Inn
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0110.

    Meio abananados seguimos caminho e pouco antes de chegarmos à Millenium Bridge, nas margens do Tamisa, encontrámos o Shakespeare's Globe (www.shakespeares-globe.org). Uma reconstrução do teatro isabelino onde muitas das peças de Shakespaeare foram exibidas pela 1ª vez.

    Shakespeare's Globe
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0116.

    Finalmente chegámos à Millenium Bridge. Ainda estivemos no vai não vai para visitar o Modern Tate, que fica mesmo coladinho à ponte, mas acabamos por não ir (Foi uma enorme burrice, nós sabemos. Mas fica para a próxima;)).

    Atravessámos a única ponte pedonal de Londres, mais uma vez apreciando as vistas magnificas para o Tamisa, e mesmo em frente, na outra margem ergue-se a enorme cúpula de St. Paul Cathedral, para onde nos dirigimos.

    Millenium Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0113.

    A Cúpula de St. Paul's Cathedral vista da Millenium Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0126.

    A Cúpula de St. Paul's Cathedral (www.stpauls.co.uk) tem mais de 110 metros de altura e é a 2ª maior do mundo, logo a seguir à Cúpula de São Pedro em Roma. De acordo com muitos Guias de Turismo, o exterior da Catedral é tão bonito como o seu interior.
    Nós não pudemos verificar se isto é verdade ou não. Apesar de se pagar para entrar (£11.00 por pessoa - Ah pois é! Em Londres se queres rezar tens de abrir cordões á bolsa...:)) o horário de visita não é o mais convidativo. Encerra todos os dias às 16h. Nem mais minuto nem menos minuto... quem viu, viu, quem não viu visse!:s
    Pelo menos pudemos comprovar que exterior é lindissimo...

    Cúpula da Catedral
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0135.

    Torres da Fachada Oeste com a estátua da Rainha Ana em frente ao Pórtico
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0143.


    Fachada Oeste
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0141.

    Mesmo ao lado da Catedral fica uma pequena praça muito agradável, onde encontrámos o nosso primeiro Starbucks. Para dois viciados em cafeina como nós, estávamos finalmente no Paraíso. Black Coffe? White Coffe? Qualquer um... o que vier marcha...:p

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0161_1.

    De copinho na mão, tal e qual dois londrinos a passear os seus cafezinhos pelas ruas e ruelas, decidimos seguir a nossa caminhada em drecção ao hotel, o que implicava atravessar o "coração" da London City, o bairro financeiro da cidade.

    Zona de Bank de onde se destaca a fachada do Royal Exchange e a do Bank of England Museum
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0164.

    Royal Exchange
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0167.

    Cornhill Street
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0168.

    London City caracteriza-se pelo forte contraste entres as construções vitorianas mais severas e as contruções mais recentes, mais brilhantes e vistosas.

    Edificio Lloyd's of London
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0185.

    Swiss Re Tower
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0181.

    Contrastes
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0189.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0191.

    Pelo caminho ainda passámos pelo Leadenall Market, onde foram gravadas algumas cenas do filme Harry Potter e a Pedra Filosofal.

    Leadenall Market
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0177.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0178.

    Quando chegámos ao hotel, estávamos desvairados de fome, mas a menos de 5 metros de distância brilhavam umas luzes néon bastante convidativas... Burguer King... os preços são upa, upa, mas sabor e o mesmo!:)
     
  4. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    2º Dia - 09 de Agosto de 2008

    Depois de um Pequeno Almoço bem recheado, (não conseguimos aderir ao British Breakfast... o cheiro a ovos cozidos logo de manhã é assim um pouco para o urgh! :s) apanhámos a District Line em direcção a Embankment.

    Aqui, a pouco metros de distância da estação de metro e entre a Hungerford Bridge e a Waterloo Bridge fica o Cleopatra's Needle. Um Obelisco Egipcio com mais de 3500 anos oferecido à Grã-Bretanha em 1819 pelo Vice-Rei Egipcio, Mohammed Ali, para comemorar as vitórias contra Napoleão.

    Obelisco Egipcio
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0014.

    Réplicas de Esfinges em Bronze acrescentadas a monumento em 1882
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0012.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0013.

    Aqui até os bancos de rua são decorados com temas egipcios...
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0022.


    A poucos minutos de distancia de Cleopatra's Needle, fica a famosíssima Trafalgar Square principal ponto de comícios e reuniões públicas ao ar livre, tal como pudemos testemunhar no 1º dia dos Jogos Olimpicos de Pequim.

    Trafalgar Square
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0027.

    Ecrã Gigante montado ao centro da praça para transmitir s Jogos Olimpicos em directo...
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0051.

    Publico reunido na Trafalgar Square para assistir aos Jogos Olimpicos (atenção que ainda não eram 10 da manhã quando tirei estas fotos...:p)
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0045.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0044.

    Bem ao centro da praça, com mais de 50 metros de altura, ergue-se a Coluna de Nelson, em homenagem ao almirante Lord Nelson, morto na batalha de Trafalgar contra Napoleão em 1842.
    Os 14 pedreiros que trabalharam nesta coluna, realizaram um jantar no topo plano, mesmo antes de colocarem a estátua do almirante.

    Coluna de Nelson
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0029.

    No lado norte da praça fica um dos maiores museus de arte do mundo, o National Gallery (www.nationalgallery.co.uk). A colecção deste museu é composta por mais de 2300 obras de arte (nem todas expostas) de artistas como Botticelli, Miguel Ângelo, Caravaggio, Monet, Van Gogh, Cézanne entre outros... e apesar do valor incalculável deste expólio a entrada é GRATUITA! Isso mesmo, leram muito bem... é à borlix...

    Aliás... esta é uma das caracteristicas de Londres que eu mais adorei... aqui a cultura está acessível a todos pois a maioria dos museus, como o National Gallery, o British Museum, o Natural History Museum, entre outros são totalmente Gratuitos. É possível apreciar sem pagar ;)

    National Gallery
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0030.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0040_1.


    O museu não é muito grande, e está muito, mas muito bem organizado. Para não perderem as 26 principais obras de arte, recomendo que logo à entrada recolham um pequeno guia que o museu disponibiliza de forma gratuita, o National Gallery Plan, onde para além de toda a informação básica de funcionamento, como horários e exposições temporárias, têm um mapa e uma listagem de todas as obras principais, acompanhadas de pequenas gravuras... muito útil! ;)
    De realçar que dentro do museu é proibido tirar fotos, e os guardas do museu são very, very rigorosos... só conseguir sacar 2...;)

    Hall de Entrada
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0046_1.

    Virgem e o Menino com Santa Ana e S. João Baptista - Desenho de Leonardo da Vinci
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0048.

    Terminada a visita, virámos costas à St. Martin-in-the-Fields (www.stmartin-in-the-fields.org), que fica mesmo ao lado do National Gallery, e seguimos na direcção oposta para o Admiralty Arch, que marca a entrada para o The Mall. A longa Avenida que nos conduz à casa real mais famosa do mundo, o Buckingham Palace.

    St. Martin-in-the-Fields
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0034.

    Admiralty Arch
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0028.

    The Mall com o Buckingham Palace ao fundo.
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0061.

    Percorremos a avenida em direcção ao Palácio e pelo caminho fomos percebendo que algo se passava! Primeiro foi o som de uma banda a tocar... depois a cavalaria...:p Espera! Queres ver a Queen nos vai receber com Honras de Estado?...

    Pois sim... Tá bem... Não queriam mais nada... a senhora de nariz empinado largar as suas pantufinhas e tirar os rolinhos da cabeça para receber dois pé rapados...:p :)

    Cavalaria no The Mall
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0064.

    Assim que atravessámos os South & West Africa Gates, a entrada, de quem vem pelo The Mall, para a pequena praça em frente ao Buckingham onde se encontram os Memorial Gardens e o Queen Victoria Memorial, percebemos o motivo de tanta agitação.

    Queen Victoria Memorial
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0080.

    Memorial Gardens & Cana Gates
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0086_1_1.

    Estava a decorrer a cerimónia do render da guarda, ou, a Change of the Guards (www.royal.gov.uk). Honestamente não percebemos o porquê daquela multidão toda ali enchoriçada. A cerimónia não tem nada de especial! Uma fanfarra a tocar e uns rapazotes com umas fardas catitas e uns chapéus à maneira a obedecer às ordens Esquerda! Direita! Volver! :)

    A malta enchoriçada em frente a Buckingham Palace
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0105.

    A fanfarra
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0097.

    Os meninos com as fardinhas todas catitas... mas aqueles popons na cabeça não enganam ninguém! :p
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0109.

    De realçar que a Sô Dona Ladie estava em casa porque a bandeirinha estava hastiada! E nem se dignou a vir á janela para dizer um Hello! Já viram?
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0093_1.

    Como a cerimónia não era lá grande coisa e a confusão era muita, decidimos sair dali a 7 pés e regressar mais tarde quando estivesse tudo mais calmo.

    Mesmo em frente ao Buckingham Palace fica um dos magníficos Royal Parks de Londres, o St. James Park (www.royalparks.org.uk). O parque é lindíssimo. Custa a acreditar que este magnífico espaço verde, coberto de árvores centenárias a rodear um gigantesco lago habitado por patos, gansos e pelicanos, foi outrora um pântano. Isso mesmo! Um pântano que Henrique VIII mandou drenar para aumentar as suas terras de caça e que mais tarde, Carlos II, transformou em parque público!

    St. James Park
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0120_1.

    Buckingham Palace visto do parque
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0132.

    Duck Island a centro do lago e mais atrás a famosa London Eye
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0130.

    Umas das coisas que mais adorei neste parques foi dar de comer a estes bichinhos simpatiquíssimos que andam por lá. Será que é o Tico?? Ou será o Teco??:p
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0136.
     
  5. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    Quando saímos do parque, tinhamos intenção de prolongar a nossa caminhada pela margens do Tamisa, mas fomos obrigados a mudar de planos por causa do famoso micro clima londrino. Apesar de estarmos em pleno Agosto, chovia que desandava... e fazia frio... mas mesmo aquele frio de nos fazer bater o dente, principlamente depois de estarmos encharcados até aos ossos... e embora não fizesse parte dos nossos planos, acabámos por pagar as £12.00 por pessoa e abrigámo-nos no interior da Westminster Abbey (www.westminster-abbey.org). E bendita chuva que nos obrigou a entrar :cool:

    Big Ben vistos do St. James Park e a famosa chuvinha londrina
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0155.

    Torres da Fachada Oeste de Westminster Abbey
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0177_1.

    Arcobtantes de Westminster Abbey
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_WestminterAbbey.

    Assim que entrámos demos logo de caras com Audio Guias em português! ;) E Gratuitos!

    Mas atenção! O que é fantástico aqui é haver audio guias em português, porque a parte do gratuito deve ser alguma private joke dos britânicos! Pagas £12.00 para entrar, isto em 2008, porque este ano a entrada já vai em £15.00, qualquer coisa como 18€, e ainda têm a lata de dizer "Free Audio Guides"... Very Funny... :s

    Mas adiante... a Westminster Abbey é simplesmente amazing! Com mais de 1000 anos de história, ela é a igreja mais antiga e a mais importante de Londres. Desde 1066, ano da cerimónia da coroação de Guilherme, O Conquistador, que assiste e é o palco de todas as cerimónias de coroação do trono britânico. É no seu interior que se encontra a Cadeira da Coroação, construida em 1301. O último ocupante desta cadeira foi a Rainha Elizabete II, coroada em 1953, naquela que foi a 1ª cerimónia de coroação transmitida pela televisão.

    Cadeira da Coroação
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0165.

    Para além de cerimónias de coroação, a abadia também recebe as cerimónias fúnebres de membros da familia real, como a da Princesa Diana, em 1997, e a da Rainha Mãe, em 2002. É igualmente local de sepultura e de memorial para muitas figuras históricas dos últimos 1000 anos de História Britânica. Aliás... sabiam que, entre os claustros e a igreja da abadia, estão enterradas mais de 3000 pessoas e que existem mais de 600 monumentos e memoriais?? Impressionante não é?

    Nightingale Memorial (Desculpem a qualidade das fotos, mas é proibido tirar fotos no interior da Abadia... estas, claro está, foram tiradas às escondidas! :p)
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0164_1.

    Túmulo de Isaac Newton
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0176.

    Busto de William Blake na Ala dos Poetas
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0167_1.

    Completamente maravilhados com o interior da Abadia, sobretudo com a Lady Chapel, seguimos para o exterior em direcção à Parliament Square, que para além de abrigar estátuas de estadistas famosos como Sir Winston Churchill, é a sede da Parliament Square Peace Campaign de Brian Haw. Uma campanha pela paz que se iniciou a 02 de Junho de 2001 e que ainda não tem fim à vista. (www.parliament-square.org.uk)

    Parliament Square e a Sede da Campanha pela Paz (A sede são as tendinhas...)
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0191_1.

    Seguimos então pela St. Margaret Street, apreciando a magnífica fachada da Houses of the Parliament, "a mãe de todos os parlamentos". (www.parliament.uk) Esta grandiosa construção vitoriana tem sido palco de sessões parlamentares desde 1265.

    Fachada da Houses of the Parliament junto à St. Margaret Street
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0208.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0206.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0202.

    Mas se querem apreciar a grandeza e a beleza das Houses of the Parliament e do famosos Big Ben, nada como atravessar a Westminster Bridge.

    Fachada ribeirinha com mais de 266 metros da Houses of the Parliamente e do Big Ben
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0236.

    Houses of the Parliamente e Big Ben vistos da Westminster Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0229.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0230.


    Por Big Ben entenda-se o Sino que dá as badaladas que assinalam as horas e não o relógio em si. Isso mesmo! :D Big Ben não é o famosos relógio de 4 faces instalado na torre de 106 metros que se eleva na fachada Este do Parlamento. É antes o nome do Sino com mais de 14 toneladas... o nome do segundo sino, porque o primeiro acabou por rachar durante o primeiro teste...

    Big Ben
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0193.

    Aqui, cumprimos a tradição e acertámos os nossos relógios pelas badaladas do Big Ben. E reparámos que tava na hora do Chá das 5 :p
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0223.

    Do outro lado da Westminster Bridge, com 135 metros de altura, ergue-se a London Eye (www.londoneye.com). Uma roda gigante construida no ano de 2000, como forma de celebrar a entrada no novo milénio. Os seus 32 habitáculos, ou cápsulas, têm capacidade para 25 pessoas e permitem uma visão de 360º para a cidade de Londres. Nós não resistimos e fizemos o "Eye Flight", que dura apenas 30 minutos, mas que oferece vistas únicas e fantabulásticas para a cidade. Ora vejam lá...

    London Eye
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0257.

    A subiiiiiiiiiiiiiiiiir... que friozinho no estômago ;)
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0266.

    As Cápsulas
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0299.

    As vistas para a cidade
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0293.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0298.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0295.

    Terminada a voltinha mágica, seguimos em direcção à estação de metro de Westminster, não sem antes passar em frente ao County Hall, onde se encontra o London Aquarium, e o Museu The Dalí Universe, cuja entrada está assinalada com algumas esculturas inspiradas nas pinturas de Dalí.

    Esculturas
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0241.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0245.

    Quando chegámos à Tube Station de Westminster tivemos uma verdadeira surpresa na plataforma de embarque que fica 4 pisos abaixo do solo... então não é que a plataforma e a linha estão separadas por uma parede de vidro?! E não é que estas paredes têm umas portas automáticas às quais os motoristas conseguem encaixar na perfeição as portas do metro??!... Há com cada coisa nesta cidade...;)

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0328_1.

    Parede de vidro que separa a plataforma de embarque da linha de metro
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0329.


    Graças à rapidez e eficiência dos transportes públicos londrinos, foi num piscar de olhos que chegámos ao Picadilly Circus, o bairro de entretedimento mais famoso da cidade, com os seus cinemas, os seus teatros, boites, restaurantes e pubs.

    Picadilly Circus
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0343.

    Uma das atracções de Picadilly Circus é a estátua do pequeno Eros, inicialmente idealizada como anjo da miseridórdia e que mais tarde associado aos Deus Grego do Amor. Foi a primeira estátua de alumínio da cidade, e no ano em que foi erigida, em 1893, provocou uma recação tão negativa nos habitantes da cidade que o seu autor teve de fugir, regressando apenas 30 anos mais tarde! :p

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0336.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0338.
     
  6. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    De Picadilly Circus seguimos em direcção à Leicester Square. Não sei se era por ser Saturday Night, mas as ruas em torno desta pequena praça estavam a fervilhar de vida. Artistas de rua, malabaristas, pintores, actores trajads a rigor a representar peças de rua... havia um pouco de tudo!

    Mas o que estava verdadeiramente ao rubro era a China Town... Pequim estava a receber os Jogos Olimpicos e os chineses estavam todos inchados de orgulho. As ruas estavam decoradas e enfeitadas, os chineses vestidos a rigor.. até os patos à Pequim pendurados nas vitrines pareciam inchados de orgulho...:p
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0355.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0359.

    A animação estava tão boa que já não fomos a mais lado nenhum. Deixámo-nos ficar por alí mesmo a apreciar a vida daquelas ruas...




    3º dia - 10 de Agosto de 2008

    Finalmente o dia mais aguardado. Tinhamos visita marcada para a casa mais famosa de Londres logo para a primeira hora da manhã e não queriamos chegar atrasados... foi sem preguiça que saltámos da cama! Engolimos pequeno almoço num piscar de olhos... apanhámos novamente o Tube e em menos de nada estávamos em Bakker Street de frente para à famosíssima Madame Tussaud's (www.madame-tussauds.com).

    O museu é incrível! Superou em muito todas as nossas espectativas... e olhem que não eram nada poucas! Algumas das figuras de cera são tão realista que se não fosse o facto de sabermos que estamos no museu de cera, em alguns casos eramos facilmente enganados...:cool: mas a figura de Charlie Chaplin na minha opinião, é sem dúvida a mais realista de todas! :)

    As figuras de cera são girissimas, mas não há dúvida que a grande atracção é a aterradora Câmara dos Horrores, que na verdade é de mijar a rir. Quando chegamos à entrada da Câmara, há uma funcionária que nos pergunta se queremos continuar a visita com Aaaaaaaaaahhhhh! ou sem Aaaaaaaaaaaaahhh! (Por Aaaaaaaaaaaaaahhh entenda-se gritos de pavor!)

    Sem Aaaaaaaaaaaaaaaaahhh significa que passam apenas na zona de exposição de figuras de cera que representam vitimas de actos de tortura, e as figuras de cera das cabeças de personalidades famosas como Marie Antoinette e Louis XVI, que perderam a cabeça na Guilhotina durante a Rev. Francesa. Junto a estas cabeças encontra-se igualmente a verdadeira lâmina da Guilhotina!:D

    Nós... como é óbvio... escolhemos seguir a visita com Aaaaaaaaaaaaaaaaahhh! Esta visita inclui a zona anterior descrita, e a zona interactiva com actores disfarçados dos piores criminosos da História de Londres. Dé-mos um quantos gritos e umas valentes gargalhadas! Muito bom mesmo!

    Outra zona engraçada do museu é a do Spirit f London, onde fazemos uma viagem no tempo num pitoresco táxi londrino, percorrendo os momentos mais importantes da História da Cidade.

    Mas como uma imagem vale mais que mil palavras, aqui fica um pequeno filme com as nossas fotos... espero que gostem!




    De volta a Bakker Street, e depois de algumas comprinhas seguimos em direcção à Tube Station...

    É verdade... sabem qual é o morador mais famoso de Bakker Street?? Não???... uma pista: "Elementar meu caro Watson!"...:p
    Isso Mesmo... O Detective mais famoso do mundo, Sherlock Holmes!
    De acordo com os policiais de Sir Arthur Conan Doyle, este detective de ficção morava no n.º 221b de Bakker Street, e é neste número (que na verdade é o nº 236) que fica o Sherlock Holmes Museum, uma réplica muito fiel de como poderia ter sido a sua casa (www.sherlock-holmes.co.uk).

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0132_1.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0127.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0131.

    Voltando à viagem de metro... O nosso destino era novamente Westminster, mais concretamente o Waterloo Millennium Pier, que fica mesmo por baixo da London Eye, e onde embarcámos num dos catamaran da Thames Clippers, em direcção a Greenwich, uma das zonas mais belas da cidade de Londres classificada como Património da Humanidade pela Unesco em 1997. (www.thamesclippers.com)

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0162_1.

    Waterloo Millennium Pier mesmo por baixo da London Eye onde é possível ver um dos Catamarans atracado
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0149.

    A viagem de Catamaran é bastante agradável e Londres vista do Tamisa ganha uma nova perspectiva. Nós fizemos a Linha "Commuter Service" da Thames Clippers e pudemos observar algumas atracções como a Waterloo Bridge, a London Tower, a Tower Bridge, entre outras...

    Interior do Catamaran da Thames Clippers - Muito confortável e com bar (dá para fazer um lanchinho durante a viagem :p)
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0168_1.

    Waterloo Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0313.

    Tower Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0300.

    London Tower
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0298_1.

    Londres vista do Tamisa
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0291.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0292.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0293_1.

    Para a viagem adquirimos o bilhete River Roamer que custa £12.00 (nós como tinhamos o Travelcard só pagámos £8.00;)). Este é o tipico bilhete hop-on hop-off que nos dá viagens ilimitadas para o dia da compra, entre as 10:00 e as 22:00 de 2ªf a 6ªf e das 08:00 às 22:00 aos Sábados e Domingos. Os Catamarans partem a cada 20 minutos e a viagem até Greenwich dura mais ou menos o mesmo tempo, ou seja, 20 minutitos.

    Quando chegamos ao Greenwich Pier, deveria ser visivel a majestosa figura do navio Cutty Sark. O navio que ilustra todas as garrafas de wisky com o mesmo nome e que na verdade, se trata da única embarcação que restou dos Clippers que no Século XIX cruzavam o Atlântico e o Pacifico para trazer o Chá da China. Infelizmente o navio encontra-se fechado ao publico e está neste momento a sofrer uma exaustiva obra de restauro, visto que foi vitima de um grande incêndio que deixou praticamente destruido em Maio de 2007. (www.cuttysark.org.uk)

    Em vez disso, a unica coisa que conseguimos ver, é a irmã pobre da London Eye... a Roda Gigante de Greenwich! :eek:

    Roda Gigante vista do Greenwich Pier
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0169.

    Já fora do barco, seguindo na direcção da Roda Gigante e caminhando sempre paralelamente ao rio, rapidamente chegámos ao Old Royal Naval College. (www.oldroyalnavalcollege.org). Este ambicioso edifício foi projectado por Sir Christopher Wren, o mesmo que projectou a St. Paul's Cathedral, de forma a que a única exigência da Rainha Maria II fosse respeitada. A de que a sua casa não perde-se as belas vistas para o Tamisa.

    Old Royal Naval College
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Panorama11.

    Estátua de Jorge II nos jardins centrais
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0185_1_1.

    Queen's House vista do corredor central do Old Royal Naval College. É este corredor que permite que a casa mantenha as suas vistas para o Tamisa, pois têm exactamente a mesma largura
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0187_1.

    A Queen's House foi projectada por Inigo Jones no Séc. XVII, e destinava-se inicialmente a Ana da Dinamarca, esposa de Jaime I. No entanto esta morreu antes de a casa ficar concluida e por isso, a casa acabou por ser oferecida a Henriqueta Maria, mulher de Carlos I, que a apelidou de "Casa dos Encantos"!
    Actualmente a casa é um Museu aberto ao público e no seu interior alberga uma exposição permanente sobre a História de Greenwich. (www.nmm.ac.uk)

    Queen's House vista do portal principal
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0190_1.

    Queen's House vista dos Jardins
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0207.
     
    Snm gosta disto.
  7. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    Mesmo ao lado da Queen's House fica o National Maritime Museum (www.nmm.ca.org). A entrada neste museu é totalmente gratuita e no seu interior podemos encontrar objectos e embarcações que contam a história das viagens marítimas britânicas desde o Séc. XV até à actualidade. Mas o mais interessante neste museu, sobretudo para a criançada, é a Galeria totalmente interactiva, a Hands On, onde os pequenotes se tornam marinheiros por um dia e aprendem a pilotar um navio, a ver as correntes maritimas, a ver como se formam as tempestades, como se formam as grutas marinhas... os putos estavam delirantes!:(

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0193_1.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0191_2.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0201_1.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0199.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0196.


    Saindo do Museu e contornando o edificio, entrámos no Royal Park de Greenwich (www.royalparks.org.uk). Este parque, para além da sua beleza e dos esquilinhos que por lá andam a passear, é conhecido por ser a "casa" do Royal Observatory Greenwich (www.nmm.ac.uk). O problema é que este fica no topo da única colina do parque e a única forma de lá chegar é "a la pata". A subida, depois de já termos percorrido alguns Km's em Londres, não foi nada fácil, e foi literalmente com a lingua de fora que chegámos ao topo! :( Mas a vista compensou todo esforço...

    Royal Park de Greenwich
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0280.

    Mais um esquilinho que apanhámos pelo caminho
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0283.

    Royal Observatory bem no cimo da colina
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0225_1.

    Vista panorâmica para a cidade de Royal Observatory
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Panorama1.

    Vista para a Queens House e para o Old Royal Naval College
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0241_1.

    Para além da vista soberba, a visita ao Royal Observatory torna-se interessante por vários motivos, mas o mais importante, e talvez aquele que atrai mais visitantes, é o Meridiano de Greenwich! Por meridiano entenda-se a linha que divide a terra em hemisfério Leste e Oeste e que permite medir as distâncias em longitude e estabelecer o fuso horário. Esta linha passa exactamente no meio do Observatório e todos os visitantes aproveitam a visita para tirar a tradicional foto com um pé em cada hemisfério... nós não fomos excepção!;)
    A par do Meridiano, o Royal Observatory apresenta ainda uma exposição permanente sobre a medição do tempo - não se esqueçam que Greenwich foi conhecida durante muito tempo como o lugar onde se estabeleceu a hora do mundo GMT = Greenwich Mean Time, ou a Hora Média de Greenwich - e sobre astronomia, onde podemos encontrar todo o tipo de relógios e telescópios de várias épocas. Para além disso podemos ainda visitar a casa de habitação do Observatório que mantem todos os traços e mobiliários originais que nos permitem ter uma ideia de como viviam s astrónomos que ali trabalhavam.
    A Entrada é mais uma vez gratuita!;)

    Royal Observatory
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0250.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0251.

    Linha do Meridiano
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0252.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0249_1.

    Linha do Meridiano a vermelho e a longitude a que se encontra Lisboa - e não há cá misturas... o Obélix está num hemisfério e eu no outro ;)
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0260.

    Exemplar de um relógio de 24 horas
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0274.

    Terminada a visita ao Royal Observatory, decidimos aproveitar o resto da tarde de domingo para passear no parque que estava repleto de vida... familias a fazerem picnics, amigos a jogarem raguebi, cães a correrem atrás de discos atirados pelos donos, turistas a tirarem fotos a esquilos... enfim... uma perfeita tarde londrina!

    Foi já ao final da tarde que embarcámos de regresso ao centro da cidade. Pelo caminho, decidimos a proveitar o tempo livre e regressar novamente ao Buckingham Placace, mas desta vez, e vez de irmos pelo The Mall fomos directos ao Green Park, mais um fantástico e lindissimo Royal Park da cidade londrina. (www.royalparks.org.uk.)

    A verdura deste parque é tão densa que quando caminhávamos sob as árvores parecia que já estava a anoitecer e nem demos conta que a chuva, mais uma vez, tinha decidido dar os ares da sua graça!

    Green Park
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0332.

    Parece que está de noite mas nop...;)
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0329_1.

    Assim que atravessámos os Canada Gate, os portões que dão acesso à pequena praça em frente a Palácio, reparámos que esta não tinham nem metade dos visitantes que tinha aquando da cerimonia do render da guarda.. UFA! Pensámos... Finalmente vamos ver isto em condições sem pisadelas nem empurrões... :p

    Buckingham Palace
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_BuckinghamPalace.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0336_1.

    Queen Victoria Memorial
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0103.

    Memorial Gardens
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0344.

    Com a chuva a intensificar-se decidimos regressar ao hotel, para sair logo de seguida em busca de janta! :p Como o hotel fica perto da London Tower e da Tower Bridge decidimos procurar por um restaurante nesta zona... enquando procurávamos por um sitio para jantar aproveitámos a visita do Arco Iris para tirar mais umas fotos...

    London Tower
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0349.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0351.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0353.

    Loja de Souvenires da London Tower
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0358.

    London Tower e o cimo as torres da Tower Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0355_1.

    Tower Bridge
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0367.

    Apesar do belo final de dia, começávamos a ficar frustados e esfomeados... não encontrávamos nenhum restaurante aberto... e ainda nem eram 21H! Por incrivel que pareça,o único Restaurane que encontrámos foi o Burguer King mesmo ao pé do hotel... :p E lá marchou mais um hamburguer!
     
  8. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    4º Dia - 11 de Agosto de 2008

    Tal como nos dias anteriores, saltámos da caminha bem cedinho. Eu estava em pulgas... a nossa 1ª paragem era em North Greenwich, mais precisamente The O2, que na altura acolhia a gande exposição "Tutankhamon and the Golden Age os the Pharaohs!" (www.kingtut.org/home)

    Esta exposição era temporário - terminou a 31 de Agosto de 2008 e actualmente encontra-se em exibição en San Francisco - e para uma aficcionada por Egiptologia, era uma portunidade única e imperdivel para ver ao vivo os objectos que pertencem ao famoso Tesouro de Tutankhamon. Eu Adorei! Só tive pena foi de haver um holograma com a múmia e não a própria múmia :D mas enfim... Qualquer dia vou visitá-la na sua terra natal... não é Obélix???

    The O2 Arena vista do Royal Observatory
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0235_1.

    No interior do O2
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0001_1.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0002_1.

    Mapa da Exposição
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_untitled1_1.

    Sai da exposição quase arrastada... queria ver tudinho ao pormenor, mas o Obélix já se estava a passar... Mas tive de me render às evidências! Estava há mais de 3 horas a ver a exposição... estava mais do que na altura do que apanhar o metro em direcção a South Kensington, onde nos aguardava o Natural History Museum. (www.nhm.ac.uk).

    Natural History Museum
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Panorama2.

    A entrada no museu é mais uma vez gratuita. :D Mesmo assim, ainda tivemos algum tempo na fila para entrar. A sorte é que s britânicos são extremamente bem organizados nestas coisas, e em menos de nada estávamos no hall central do museu, de frente para o gigantesco esqueleto do dinossauro Diplodocus, com cerca de 26 metros...

    Hall Central do Museu de onde se destaca o gigantesco esqueleto do Dipodocus
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0026.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0091.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0090_1.

    O interior do museu encontra-se dividido em 4 zonas diferentes identificadas nos mapas disponíveis á entrada, por 4 cores. A zona amarela, onde se encontra o Centro de Darwin e a Spirit Collection, com mais de 22 milhões de espécimens preservados em 450.000 frascos! :D A zona vermelha, dedicada ao planeta terra às suas fontes de energia e às pedras preciosas (galeria dos Tesouros da Terra onde brilham milhares de pedras preciosas, rochas e minerais). A Zona Verde, dedicada a Ecologia, aos Insectos, aos fósses de repteis marinhos, aos primatas entres outras coisas mais... e a Zona Azul! Esta última é de longe a que reune maior número de curiosos, ou não fosse a zona onde esta a galeria dos Dinossauros, da Biologia Humana e dos Mamiferos.
    Aqui ficam uma amostra do que podem encontrar no interior do Natural History Museum:

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0033.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0054.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0059.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0062.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0063.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0066.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0070.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0082_1.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_CIMG0086_1.
     
  9. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    Mesmo a lado do Natural History Museum fica o Victoria & Albert Museum, o V&A (www.vam.ac.uk). Não fazia parte dos nossos planos visitar este museu mas, quando descobrimos que a entrada era mais uma vez gratuita, decidimos não perder a oportunidade e fomos dar uma espreitadela.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200801.
    Entrada do Albert & Victoria Museum

    O V&A é gigantesco. Para falar a verdade, o museu é um labirinto com 11 quilómetros dispostos em 6 níveis com cerca de 150 galerias diferentes. Nós tivemos uma pequena noção da dimensão do museu assim que abrimos o pequeno guia/mapa que o museu disponibiliza à entrada. Conscientes de que seria impossível ver tudo, optámos por visitar algumas galerias do 1º nível, nomeadamente as galerias Chinesas, Japonesas, as de Escultura e as dedicadas à Moda (nestas últimas estão expostos alguns vestidos usados pela Princesa Diana). Na altura estava também a decorrer uma pequena exposição sobre as Supreme - The Story of Supreme from the Maru Wilson Collection - e lá fomos nós dar uma espreitadela.:D
    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200802.

    Depois de um pequeno lanchinho no bar do Museu, seguimos o nosso itinerário em direcção aos Armazéns de Londres mais famosos do mundo - O Harrods (www.harrods.com), onde nos sentimos verdadeiramente pobretanas. Aqui tudo é de caríssimo para cima e enquanto nós contávamos os nossos míseros tostões para comprar uma simples caneca, os árabes e/ou muçulmanos com os seus cartões gold e platina, faziam as caixas registadoras cantar de alegria . Até fazia impressão! E cá fora, era ver desfilar os carrões à procura de um espacinho para estacionar afim de deixar sair os seus ilustres ocupantes. :D Quem pode pode... "mainada"!

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200803.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200804.
    Fachada do Harrods (que infelizmente estava em obras) e alguns dos carrões que por lá andavam.

    Mas mais do que compras, o que realmente nos interessava dentro do Harrods, era o Memorial que Al Fayed mandou erguer no Hall Egípcio, dedicado a Princesa Diana e ao seu filho Dodi Al Fayed.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200805.
    Dentro da pirâmide encontra-se a taça por onde a Princesa Diana bebeu durane a sua última refeição e o anel de noivado oferecido na noite da sua morte por Dodi.

    Fora do Harrods fomos directos para o Kesington Garden (http://www.royalparks.org.uk/parks/kensington_gardens/) mais um Royal Park de Londres, que se encontra separado do Hyde Park (http://www.royalparks.org.uk/parks/hyde_park/) por um lago a que os londrinos chamam de The Serpentine.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200806.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200807.
    Algumas imagens de Hyde Park

    Ambos os parques são lindissimos, por isso decidimos deambular pelos dois em direcção a Nothing Hill e ao longo do passeio pudemos disfrutar de atracções como Diana Memorial Fontain, Albert Memorial, Albert Hall, Palácio e Jardins de Kesington.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200808.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200817.
    Algumas imagens do Kesington Gardens Park

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200809.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200810.
    Diana Memorial Fontain. Aqui decidimos aceitar o convite que está a entrada e colocar os nossos pésinhos de molho naquela água fresquinha... e depois de tantos quilómetros, nem queiram saber o bem que nos soube! :D

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200811.
    Kesington Gardens e bem lá ao fuuuuuuuuuuuuuundo Albert Memorial

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200812.
    Albert Memorial

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200813.
    Albert Hall

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200814.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200815.
    Jardins do Palácio de Kesington

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200818.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200819.
    Nothing Hill

    Em Nothing Hill apanhamos o metro em direcção a King's Cross. Sendo fã incondicional da Saga Harry Potter, não podia deixar escapar uma visitinha à plataforma 9 ¾, e por pouco não embarquei no Hogwarts Express em direcção á escola de magia e feitiçaria mais conhecida do mundo.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200816.

    De King's Cross seguimos para o nosso hotel para voltar a sair logo de seguida para gozar a nossa última noite na cidade. Já não me recordo bem onde jantámos, mas sei que optámos por provar o tradicional Fish and Chip's e o Kibab... eu detestei :D mas o Obélix, para não variar, adorou.


     
    MulherViajante gosta disto.
  10. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    5º e último dia - 12 de Agosto de 2008

    O dia começou bem cedinho. Era o nosso último dia na cidade e estava tudo planeado ao minuto. Por isso não nos podiamos atrasar. Tomámos o pequeno almoço, fizemos o Check Out do Hotel, deixamos as malas na recepção (que felizmente oferecia este serviço gratuitamente a todos os hóspede) e fomos directos para o Museu que, na minha opinião, é o mais espectacular em Londres - The British Museum (www.britishmuseum.org) :D

    Eram cerca das 10:00 da manhã quando saimos na estação de metro de Russel Square, e já em jeitos de despedida, caminhamos pelas ruas londrinas em direcção ao museu, passando por Russel Square e por um dos hotéis mais emblemáticos da cidade, o Hotel Russel.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200820.
    Estátua de Francis, Duque of Bedford ao centro de Russel Square

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200821.
    Hotel Russel

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200822.
    Fachada do British Museum

    O British Museum é o Museu mais Antigo do Mundo. Foi fundado em 1753, e citando a frase que consta no site oficial, é um Museu do Mundo para o Mundo (A Museum of the world for the world). O espólio no interior é simplesmente fantástico e as peças expostas datam desde a Pré - História até a actualidade. Foi com muita pena minha que deixei este museu para o último dia, e como tinha o tempo livre contadinho ao minuto, não consegui ver tudo o que gostaria de ver. É sem dúvida um museu onde irei regressar com mais calma para ver tudo com atenção...:D

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_BritishMuseum.
    O Hall do Museu, conhecido por Great Court. Ao centro fica a Sala de Leitura.

    Algumas peças expostas no Museu:

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200823.
    A famosa Pedra da Roseta. Peça chave que permitiu decifrar os hieróglifos egípcios.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200824.
    Exposição do Antigo Egipto. Sala das Múmias.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200825.
    Exposição do Antigo Egipto

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200826.
    Esculturas do Parténon da Antiga Grécia.

    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Londres200827.
    A caveira de cristal. Fonte de inspiração para o último filme do Indiana Jones.

    Saímos do museu já passava das 13:00. Era hora de regressar ao hotel, para almoçar algures noas arredores, apanhar as malas e seguir viagem para o Aeroporto de Heathrow. Ainda não estavamos com os pés no avião e já tinhamos uma certeza. Londres é uma cidade única onde certamente iremos voltar muitas vezes. :D


    ai365.photobucket.com_albums_oo91_LilianaPinheiro_London_20City_20__202008_Imagem1.
     
  11. roller

    roller Membro Conhecido

    4.528
    1.594
    273
    Mas que grande report!

    E bom rever Londres... já la vão 6 anos desde que la estive

    Parabéns
     
  12. Ramalhete

    Ramalhete Membro Novo

    48
    0
    0
    Reports destes é que eu gosto: MUITA FOTO!!!

    Parabéns
     
  13. Asae

    Asae Membro Conhecido

    1.331
    445
    123
    Eu acho que devias escrever guias turísticos. Acho mesmo.
     
  14. tezita

    tezita Membro

    989
    3
    18
    E S P E T A C U L A R
    F A N T Á S T I C O
    D I V I N A L

    enfim.. podia passar o comentário a elogiar!!
    Obrigada (muito muito muito)
     
  15. Flecha

    Flecha Membro Conhecido

    1.723
    774
    153
    por isso disse no meu report que me sinto envergonhado de quando faço os meus...estes estão a muitos anos luz de qualidade superior.

    Tomara eu.... e desde ja parabéns
     
  16. MrsRabbit

    MrsRabbit Membro Conhecido

    966
    491
    103
    Bunny...Bunny...

    Simplesmente DIVINAL! É uma viagem que quero fazer desde pequenina e ainda não se proporcionou...

    Estava a ver se "alguém" me surpreende, mas esse alguém não está virado para este tipo de viagens: não mete água, mergulhos, peixes,...estou feita!

    Com este report posso planeá-la como deve ser...

    OBRIGADO!

    STACR
     
  17. hydra

    hydra Membro Ativo

    860
    129
    43
    Olá BunnyCat, o teu report está realmente fantástico, estou ansiosamente à espera que termines, para ver como planeaste o resto do teu tempo e retirar ideias para planear o meu :D

    Os reports são realmente uma grande ajuda que complementa em muito o que está nos guias ;)

    Queria fazer-te uma pergunta, em relação ao travelcard compraste em Portugal? Onde?
    Achas que compensa comprar o travelcard em vez do passe apenas para os transportes? Utilizaste-o em muitos locais?
    Em relação ao london eye compraste os bilhetes online?

    Desculpa a quantidade de perguntas....
    Tks
    Hydra
     
  18. BunnyCat

    BunnyCat Membro Ativo

    1.575
    56
    48
    Antes de mais obrigada a todos pelos elogios...:D:p:p

    Gostava de terminar este report o mais breve possível - tipo até esta 6ª feira - mas tá a ficar dificil...:s Não tenho tido tempo para nada esta semana e os preparativos finais para a viagem de sábado estão a ocupar o pouco tempo que tenho livre... mas adiante... ;)

    Hydra,

    Tirando os bilhetes para o Thames Clippers e para a Westminster Abbey que comprei localmente, todos os outros bilhetes e passes comprei em Portugal através da TicketWorld - http://www.ticketworld.pt/

    A compra é muito fácil. Basta enviares um email para eles a fazer a reserva, fazer o pagamento por transferência bancária após o envio da factura, enviar cópia do comprovativo de pagamento que eles enviam-te tudo por Correio Registado para a morada que indicares. Já recorri aos serviços deles algumas vezes e sou da opinião que eles são muito eficientes.)

    Em relação ao Travelcard, para mim compensou bastante. Eu comprei o passe para todas as zonas, porque Heathrow fica na zona 6, e para além de poder circular livremente pela cidade em toda a rede de transportes durante o periodo de validade, ainda tens alguns descontos. Tive desconto no Thames Clippers, e se não me engano tem desconto em outras atracções como a Madame Tussauds. ;)
     
  19. Maria Pereira

    Maria Pereira Membro Conhecido

    1.594
    176
    103
    Muitos parabéns pelo fantástico report!:D
    Digno de um livro que prende os leitores e que lhes proporciona um acompanhamento da viagem como se a tivessem realizado. Muito bom mesmo!;)
    Fico ansiosamente a aguardar os capítulos seguintes na certeza que a próxima viagem também nos vai propiciar um excelente report, já se viu!
    Obridada e uma boa viagem!
     
  20. LuisT_76

    LuisT_76 Membro Ativo

    1.293
    6
    38
    Hydra,

    Quanto estive em Londres optei pelo Travelcard pelo seguinte:

    Se for adquirido numa estação de comboio (National Railway Service) tens a possibilidade de obter descontos em várias atracções em Londres (2 entradas pelo preço de 1), tendo para tal que apresentar uns vouchers que podes obter no seguinte site: Days Out Guide - London attractions with train tickets | London trains | trains to London

    Para tal basta escolher a atracção pretendida e apresentar junto com o Travelcard válido (tem que ter o simbolo do National Railway Service, uma seta dupla).

    Consulta o site e se tiveres duvidas pergunta. :D