Fim de semana Amesterdão Novembro

Misabel

Membro Ativo
Olá a todos,
No próximo mês vamos a Amesterdão passar um fim de semana, vamos chegar por volta do meio dia de sábado e regressamos segunda a tarde.
Ainda não temos hotel para ficar visto que no centro a maioria são hostels ou então preços elevados e nós só procuramos um sitio agradável para dormir e tomar banho. Estamos inclinados para o Botel, fica a 80 euros por noite e pelo que vi não fica muito distante do centro, alguém conhece? Será uma boa escolha, de noite e dia é fácil deslocar-se para o centro?
Durante a nossa estadia pretendemos visitar a Heineken, passear de barco pelos canais, ir ao lockout, passar pela Red Light, ir ao mercado das flores, tirando isso pretendemos passar pelos sítios mais emblemáticos mas só para ver a vista.
Podem-me dar algumas dicas para me orientar nas visitas e para refeições sítios bons e baratos 😂
Obrigado
 
Última edição por um moderador:

lfmc

Membro
Os hotéis em Amesterdão são muito caros. Estive lá em outubro do ano passado e não arranjei nada abaixo dos €100 por noite. Mas à partida eliminei hostels, B&B e afins. Na altura fiz uma shortlist de hotéis bem localizados para visitar a cidade: XO Hotel City Center; Hotel Mozart; Hotel Espresso; Ibis Amsterdam Center Stopera; Hotel City Garden; Hotel de Paris Amsterdam; Hotel Library; Ibis Amsterdam Center; Apollo Museumhotel Amsterdam City Centre; Hotel Lancaster Amsterdam.
Quanto ao Botel, se for o que fica em Amstel, não me parece que esteja muito bem localizado, implica deslocação de barco para vir para o centro.
Quando a refeições baratas, nos supermercados, especialmente no Albert Heijn, encontra uma boa variedade de sandes, saladas frias e fruta preparada que podem servir perfeitamente para um almoço. Depois há os restaurantes "internacionais", Mac Donalds e outros do género. Eu fui duas vezes ao Wok to Walk e é aceitável, fast food de inspiração chinesa. Também há restaurantes asiáticos baratos na zona entre a Heiniken Experience e a a Rua Albert Cuyp.
Para visitar, além do que refere, com o tempo que têm, recomendo a Casa de Anne Frank, é verdadeiramente emocionante. Os bilhetes devem de ser comprados online, com a maior antecedência possível, pois esgotam sempre. O Museu Van Gogh também vale a pena, e a visita é rápida, mais uma vez comprar os bilhetes online.
 

Misabel

Membro Ativo
Os hotéis em Amesterdão são muito caros. Estive lá em outubro do ano passado e não arranjei nada abaixo dos €100 por noite. Mas à partida eliminei hostels, B&B e afins. Na altura fiz uma shortlist de hotéis bem localizados para visitar a cidade: XO Hotel City Center; Hotel Mozart; Hotel Espresso; Ibis Amsterdam Center Stopera; Hotel City Garden; Hotel de Paris Amsterdam; Hotel Library; Ibis Amsterdam Center; Apollo Museumhotel Amsterdam City Centre; Hotel Lancaster Amsterdam.
Quanto ao Botel, se for o que fica em Amstel, não me parece que esteja muito bem localizado, implica deslocação de barco para vir para o centro.
Quando a refeições baratas, nos supermercados, especialmente no Albert Heijn, encontra uma boa variedade de sandes, saladas frias e fruta preparada que podem servir perfeitamente para um almoço. Depois há os restaurantes "internacionais", Mac Donalds e outros do género. Eu fui duas vezes ao Wok to Walk e é aceitável, fast food de inspiração chinesa. Também há restaurantes asiáticos baratos na zona entre a Heiniken Experience e a a Rua Albert Cuyp.
Para visitar, além do que refere, com o tempo que têm, recomendo a Casa de Anne Frank, é verdadeiramente emocionante. Os bilhetes devem de ser comprados online, com a maior antecedência possível, pois esgotam sempre. O Museu Van Gogh também vale a pena, e a visita é rápida, mais uma vez comprar os bilhetes online.
Obrigado quanto às suas dicas. Entretanto já nos decidimos e vamos ficar no easyhotel no centro e sinceramente acho que está muito bem localizado, pagamos cerca de 83 euros por noite.
 
Top